Arquivo da Tag: "SERVIDORES"
12
09

Depois do TJ, TCE barra repasse milionário à Câmara

Depois que o vereador Felipe Wellaton (PV) conseguiu impedir na Justiça a suplementação de mais de R$ 6,7 milhões feita pelo prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB) para a Câmara Municipal, foi a vez do Tribunal de Contas do Estado (TCE) barrar o repasse. A decisão é do conselheiro interino Luiz Carlos Pereira, atendendo ao Ministério Público de Contas (MPC).

Desgaste

A medida aumenta ainda mais o desgaste de Pinheiro, que até o momento não falou de forma clara e direta sobre as imagens em que aparece enchendo os bolsos com maços de dinheiro vivo, entregues pelo chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), Sílvio Cezar Corrêa Araújo.

 

Cortes

Por conta da ausência destes recursos, o presidente da Câmara, Justino Malheiros (PV), já admite a possibilidade de exonerar quase 400 servidores comissionados como forma de conseguir fechar o orçamento do Legislativo da Capital para este ano.

Sem afastamento

Pinheiro chegou a falar com a imprensa durante o feriado, quando visitava algumas obras, mas nada de concreto disse. “Sou advogado e sei conduzir isso juridicamente. Tudo vai ser esclarecido. Essa é a linha de defesa”, desconversou o prefeito, que não pode ser punido pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) por estar afastado da advocacia.

Fatiamento

Embora o desembargador Márcio Vidal tenha afirmado que o Supremo Tribunal Federal (STF) já fez o “fatiamento” da delação de Silval, informações diretas do gabinete do ministro Luiz Fux, que homologou o acordo, dizem exatamente o contrário. “Não há nenhuma sinalização neste sentido”, informou um servidor do gabinete do magistrado.

Ao trabalho

Também atingidos pela delação de Silval, alguns deputados estaduais estão com dificuldade de retomar os trabalhos na Assembleia Legislativa. Prevendo problemas na aprovação da PEC do teto dos gastos, o governador Pedro Taques (PSDB) pediu ao presidente do Legislativo, Eduardo Botelho (PSB), foco da Casa de Leis para a apreciação da matéria.

No tempo

Botelho, por sua vez, se comprometeu a montar um cronograma de trabalho de forma a balizar a tramitação da matéria na Casa de Leis. Resta saber se novos fatos, operações e outras coisas mais não vão colocar o Legislativo em nova paralisia.

Não aguenta

A vida dos políticos flagrados nas imagens entregues por Sílvio à PGR mudou drasticamente. Um deles, inclusive, não aguentou e partiu para o ataque em um grupo de whatsapp, instantes após a publicação de uma imagem brincando com o político. Ele ameaçou deixar o grupo se as piadas prosseguissem.

 

Suspenso

O juiz federal Ciro Arapiraca ampliou por mais 30 dias a suspensão do contrato das obras de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). A negociação para a retomada das obras entre o Estado e o consórcio construtor azedou depois que a Polícia Federal deflagrou a Operação Descarrilho.

 

Sem bloqueio

Embora tenha aceito os argumentos da Procuradoria Geral do Estado (PGE) ao manter a suspensão do contrato, Arapiraca rejeitou o pedido para o bloqueio de recursos do Consórcio VLT.

28
04

MT: Servidores do Judiciário querem maior debate em implantação de reformas

1Por: HiperNotícias

Servidores do Poder Judiciário de Cuiabá realizam um ato público em frente ao Fórum da Capital, na manhã desta sexta-feira (28) para chamar a atenção da população para as propostas de reformas da previdência e trabalhista que ameaçam retirar direitos conquistados pelos trabalhadores.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

.

28
04

Com greve no DF, centros de assistência social e apoio a mulher não funcionam

1Servidores da Assistência Social e Cultural do Distrito Federal também estão na greve geral de desta sexta-feira, 28, contra as reformas do governo do presidente Michel Temer. Segundo o diretor de Comunicação da categoria, Carlos Frederico Coelho, a greve dura 24 horas e os principais pontos afetados são casas de atendimento a criança, adolescente, idoso e família (albergues) e o Centro Especializado a Atendimento à Mulher (Ceam), que recebe mulheres que sofrem violência doméstica.

Coelho informou que, nesta sexta, a mulher que sofrer algum tipo de violência e precisar do atendimento do Ceam deve primeiro ir a uma delegacia e esperar até amanhã para poder ser atendida no centro. (mais…)

26
12

MT: Por R$ 1,4 bi, Taques pede apoio dos servidores

1Por Rafael Costa

Consciente da necessidade de ajustar as contas públicas para 2017 e assim evitar um colapso financeiro em Mato Grosso nos próximos anos, o governador Pedro Taques (PSDB) pediu compreensão aos servidores públicos estaduais diante das medidas amargas que serão tomadas para conter despesas nos próximos anos.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

12
12

INSS vai contratar 150 candidatos aprovados em concurso público

1Agência Brasil

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão autorizou, hoje (12), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a nomear mais 150 candidatos aprovados em concurso público feito pelo órgão em 2005. Anteriormente, o ministério já havia autorizado as nomeações de 300 servidores. Com esta nova portaria, as nomeações autorizadas chegam a 450.

(mais…)

23
10

Servidores da UFMT param na segunda-feira

1Só Notícias

Os servidores administrativos da Universidade Federal de Mato Grosso vão paralisar as atividades a partir da próxima segunda-feira (24). O ofício foi entregue à reitora Myrian Serra com o comunicado. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Técnico Administrativos da UFMT (Sintuf), esta greve é por tempo determinado (não especificado o dia no ofício) e para pressionar o governo federal contra a aprovação do projeto que limita gastos, reforma da previdências e outros. A greve é nacional.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

21
10

Blog do Mauro na Gazeta

 

 

Novo presidente

 

O desembargador Rui Ramos, eleito para presidir o Tribunal de Justiça no biênio 2017/18, disse ontem que não será presidente só para pagar os salários dos servidores.

 

Duodécimo

 

O recado é claro: Rui Ramos vai cobrar do Executivo a integralidade do duodécimo constitucional e exigir o repasse sem atrasos.

 

Sem política

 

Rui Ramos não é apenas um destacado magistrado e competentíssimo professor de Direito. É conhecido também por sua correção e comportamento ético. É educado, mas não deve favores nem tem vocação política.

 

Sem concessões

 

O perfil de Rui Ramos e sua eleição para o comando do TJ sinalizam que as concessões relativas aos recursos do Judiciário não serão mais toleradas. Como o duodécimo é uma obrigação constitucional esta não é uma boa briga para o governador Pedro Taques (PSDB).

 

Com crédito

 

Mato Grosso está entre os 14 Estados brasileiros com condições fiscais de pleitear novos empréstimos. A avaliação é do Tesouro Nacional, que considera que o principal problema desses Estados é o crescimento da folha de salário do funcionalismo.

 

LRF

 

O fato é que há um forte desequilíbrio entre a receita pública e a folha de pagamentos, que não crescem na mesma proporção. O custo da folha, via de regra, está sempre acima dos limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

 

Sem Noção

 

A falta de noção de Elias Santos, irmão do candidato Wilson Santos (PSDB), que ameaçou demitir servidores comissionados da Metamat caso não comparecessem a um ato de campanha do tucano causou enorme constrangimento no Palácio Paiaguás. Mas a resposta foi enérgica e eficaz: a demissão sumária de Elias do posto de presidente da estatal.

 

Efeito Elias

 

A retaliação pela denúncia feita por Emanuel Pinheiro já começou. O alvo são irmãos e uma cunhada que seriam ‘testas de ferro‘ do candidato peemedebista. Já circulam na Internet gravíssimas acusações versando sobre corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha que precisam ser apuradas.

 

Alvo

 

O programa eleitoral de Wilson Santos pode abordar o assunto. Existiriam vídeos com declarações que comprometeriam o próprio candidato Emanuel Pinheiro.

 

Investigado

 

Misael Galvão (PSB), segundo vereador mais votado em Cuiabá, está sendo investigado pela Polícia Federal por compra de votos. Ele tentou impedir a investigação com recurso ao TRE, mas não teve sucesso. Agora Misael corre o risco de nem ser diplomado, caso fique comprovado o crime eleitoral.

 

 

20
10

Blog do Mauro na Gazeta

 

 

Chumbo trocado

 

Na terça, durante debate na CBN Cuiabá, Wilson Santos (PSDB) denunciou que seu adversário, o deputado Emanuel Pinheiro (PMDB), faz parte do quadro efetivo dos servidores do Legislativo de maneira ilegal. Um dia depois a vingança: Emanuel chama uma coletiva para denunciar suposto crime eleitoral de Santos.

 

Arsenal

 

O clima de beligerância vai permear os últimos dias da corrida eleitoral, que deve ser disputada voto a voto. O tucano já tem em seu arsenal uma gravíssima denúncia de corrupção que, segundo se comenta nos bastidores da campanha, pode tirar Emanuel da política.

 

Adversária

 

Em que pese o prefeito Mauro Mendes (PSB) afirmar e reafirmar que está apoiando a aliança do PSB com o PSDB na disputa pela Prefeitura de Cuiabá, a primeira-dama Virgínia Mendes segue defendendo no Facebook a candidatura de Emanuel Pinheiro (PMDB).

 

Eleição fácil

 

E Mauro Mendes, longe da disputa eleitoral, goza de excepcional avaliação dos eleitores de Cuiabá (81%), como mostra a última pesquisa do Instituto Gazeta Dados. Se tivesse se candidatado à reeleição dificilmente teria adversário à altura de seu desempenho.

 

Rejeição

 

Repercutiu muito fortemente a pesquisa de rejeição dos candidatos a prefeito de Cuiabá na última rodada do Gazeta Dados. O tema virou objeto de discussão entre analistas e formadores de opinião.

 

Tucano

 

No Gazeta Dados, Wilson tem um índice de 43% de rejeição. O percentual é menor que os 46 pontos com os quais encerrou o primeiro turno. No Ibope o tucano chegou a aparecer com 54% de rejeição.

 

Peemedebista

 

Emanuel, que terminou o primeiro turno com 10% de rejeição, triplicou este índice alcançando 30% na última pesquisa. É o resultado da polarização da disputa e da exposição do candidato.

 

Razões

 

O Instituto Gazeta Dados procurou identificar entre os eleitores pesquisados as razões da rejeição dos dois candidatos. O resultado merece reflexão e sugere que vem virada nesta reta final.

 

Experiência

 

Wilson Santos tem como primeira razão de rejeição o fato de ter deixado a Prefeitura para disputar o Governo, nas eleições de 2010. O segundo motivo apontado pelos eleitores pesquisados é ‘já ter sido prefeito‘.

 

Inexperiência

 

Paradoxalmente, Emanuel Pinheiro tem contra si o fato de ser muito inexperiente, de acordo com a maioria dos entrevistados. A segunda razão da rejeição do candidato do PMDB é ter um ‘plano de governo ruim, sem propostas para Cuiabá‘, dizem os eleitores.

 

 

18
10

MT: Presos e servidores serão investigados

1Por Silvana Ribas

Polícia Civil deve interrogar detentos e servidores que atuavam na Cadeia Pública do Capão Grande, onde foi espancado Valdir Pereira da Rocha, 36, que morreu em decorrência de traumatismo craniano no sábado (15). Ele foi preso em julho, em operação da Polícia Federal, acusado de integrar um grupo terrorista. Ao final da investigação foi inocentado.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

09
10

Estados têm dificuldade para pagar 13º salário

Vinte e um alunos da Escola de Educação Especial Primavera, no Tarumã, receberam na manhã desta terça-feira (02) a carteira de trabalho. Foto: Valdecir Galor/SMCS

Vinte e um alunos da Escola de Educação Especial Primavera, no Tarumã, receberam na manhã desta terça-feira (02) a carteira de trabalho.
Foto: Valdecir Galor/SMCS

Em meio à grave crise fiscal, os governos estaduais já preveem dificuldades para pagar o 13º e o restante dos salários de servidores públicos até o fim do ano. Os Estados evitam admitir oficialmente que não há caixa para pagar o benefício, mas pelo menos sete de 24 unidades da Federação consultadas pela reportagem reconhecem que não há definição de como e quando o 13º será depositado na conta de 2 milhões de servidores.

Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas, Bahia, Distrito Federal, Sergipe e Roraima não teriam, hoje, os recursos para honrar o compromisso, segundo os secretários de Fazenda. Alguns deles não conseguirão fazer o pagamento mesmo com a ajuda esperada do governo federal. Além do socorro do Tesouro, eles contam com a recuperação, mesmo que mínima, da economia – o que contribuiria para o aumento da arrecadação. (mais…)

Publicicade

Publicicade