Arquivo da Tag: "POPULAÇÃO CARCERÁRIA"
15
05

Jungmann diz que crescimento da população carcerária do Brasil é “insustentável”

Antonio Cruz/ Agência Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que o atual nível de crescimento da população carcerária do Brasil é “insustentável” e que “é preciso encarar” a situação. Jungmann foi o entrevistado do programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 15.

 

“Um dado que me preocupa muito é o que está acontecendo com o sistema penitenciário. Em 1990, nós tínhamos 90 mil presos. Hoje são 726 mil. Nós temos a terceira maior população carcerária do mundo. As duas primeiras, Estados Unidos e China, estabilizaram. Continuamos crescendo a uma ordem de 7%”, disse, citando dados do Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen). Segundo o relatório, divulgado em dezembro de 2017, o déficit de vagas do sistema é de mais de 358 mil. (mais…)

11
02

Brasil precisa rever política criminal, diz representante da ONU

1Por Alex Rodrigues

Agência Brasil

A primeira visita ao Brasil do representante para a América do Sul do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (Acnudh), Amerigo Incalcaterra, desde dezembro de 2015 coincidiu com uma das mais grave crises da história da segurança pública no país. Para o italiano, as cenas de presos matando uns aos outros e assumindo o controle de presídios demonstram o fracasso da atual política criminal, que tenta prevenir e punir quase todo tipo de infração penal com o encarceramento. O resultado, segundo ele, é a alta população carcerária no Brasil, uma das maiores do mundo, e o desafio do poder do Estado pelas organizações criminosas.

(mais…)

30
12

Mato Grosso vai construir penitenciária

1Por Silvana Ribas

A Gazeta

Com população carcerária de 11 mil presos ocupando as 6,5 mil vagas existentes, Mato Grosso terá a primeira penitenciária de segurança máxima com 150 vagas. O início da construção deve ocorrer em 2017 e contará com R$ 32 milhões dos R$ 52 milhões oriundos do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), destinados ao Estado. A unidade vai receber presos considerados de alta periculosidade, vindos também de outras regiões do País. O recurso será transferido tão logo estiver liberada a conta bancária do Fundo Penitenciário Estadual.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

Publicicade

Publicicade