Arquivo da Tag: "POLÍTICAS PÚBLICAS"
17
10

Um em cada quatro jovens vai abandonar o ensino médio até o final do ano

Por Elaine Patricia Cruz
Agência Brasil

A cada ano, quase 3 milhões de jovens abandonam a escola no Brasil. É o que apontou o estudo Políticas Públicas para Redução do Abandono e Evasão Escolar de Jovens, elaborado pelo Ensino Superior em Negócios, Direito e Engenharia (Insper) e divulgado hoje (17).

(mais…)

12
09

Crescimento de ataques virtuais acende alerta sobre suicídio

1Por Helena Martins

Agência Brasil

Apesar de ser um grave problema de saúde pública, com tendência de crescimento nos próximos anos, pois acompanha a expansão de doenças como a depressão, o suicídio ainda é um tabu no Brasil. Dificuldade de obter dados, preconceito e medo de estimular a prática ao falar sobre ela são fatores que dificultam a discussão e o desenvolvimento de políticas públicas, segundo estudos e especialistas consultados pela Agência Brasil.

(mais…)

20
02

Grafiteiros cuiabanos lamentam preconceito e cobram incentivos da política

Alan Cosme/HiperNoticias

Por Rayane Alves

HiperNotícias

Quem anda atualmente pelas principais avenidas de Cuiabá percebe o grafite espalhado em espaços que antes sequer chamavam a atenção. Os mesmos muros de anos atrás agora passam a expressar, cada vez mais, sentimentos e mensagens ao cuiabano ou visitante mais atento. Mas, a ideia de pintar essas paredes e outros espaços possíveis continua marginalizada e confundida com a pichação.  Adão Silva, conhecido como Babu 78, é um dos grafiteiros mais conhecidos e respeitados em Cuiabá. Para ele, Mato Grosso e outros estados do Brasil precisam trabalhar políticas públicas que eduque os olhos de quem vê, pois ainda existe grande preconceito e inversão de valores.

LEIA MATÉRIA NA ÍNTEGRA.

29
05

Milhares de mulheres marcham em Brasília contra a cultura do estupro

1

Por Felipe Pontes
Agência Brasil

Após uma contagem regressiva de trinta a zero, cerca de 3 mil manifestantes, a maioria mulheres carregando flores nas mãos, marcharam na manhã deste domingo (29) pela Esplanada dos Ministérios, em Brasília, para protestar contra a cultura de estupro, pedir justiça para os casos que envolvam violência contra a mulher e exigir políticas públicas que garantam a educação de gênero nas escolas brasileiras.

(mais…)

23
02

Blog do Mauro na Gazeta

 

Copa da decepção

 

Antes do Mundial, Mato Grosso dispunha de 7 mil leitos em hotéis e similares e registrava uma taxa de ocupação em torno de 70%. Hoje, são 16 mil leitos com uma taxa de ocupação de 40%. O setor de hotelaria está à beira de um colapso e se não houver uma reação imediata a expectativa é de ‘quebradeira.‘

 

Feira

 

A Feira Internacional do Pantanal (FIT), que acontece no final de abril, mobiliza o setor de turismo na discussão de saídas estratégicas para reverter o quadro. A observação de pássaros, de onças e a pesca esportiva devem ser elevados à categoria de principais produtos turísticos do estado.

 

Corredor de turismo

 

Jaime Okamura, uma das mais importantes lideranças do setor, defende a criação de um corredor de turismo envolvendo o Pantanal, a Amazônia e os Andes para atrair turistas do mundo inteiro.

 

Turismo de negócios

 

Outro reforço para o setor é a implantação de políticas públicas para estimular o turismo de negócios. Hoje Mato Grosso está aparelhado para recepcionar grandes eventos com público de até 3 mil pessoas, segundo Okamura.

 

Culpa do Blairo

 

O deputado Romoaldo Junior (PMDB) afirmou que o vice-presidente Michel Temer não veio a Mato Grosso para efetivar filiações, exclusivamente, em razão da desistência do senador Blairo Maggi (PR) em assinar ficha no partido.

 

Defesa de Janaína

 

A decisão de Maggi prejudicou o PMDB em Mato Grosso, segundo o parlamentar, que fez uma forte defesa da deputada Janaína Riva – que deve filiar-se agora em março ao partido – e do ex-deputado José Riva.

 

Defesa de Riva

 

Para Romoaldo, José Riva está preso por ter ajudado muita gente. ‘Pagou funerais, formaturas, transporte de doentes‘, disse o peemedebista. ‘Riva foi um bom parlamentar. Ninguém trabalhou tanto e fez tanto na Assembleia como o deputado Riva‘.

 

Crítica à imprensa

 

Romoaldo destacou que ‘se houve algum excesso por parte do ex-deputado, ele vai pagar na Justiça. Desqualificar o Riva como a imprensa vem fazendo eu acho muito ruim, até porque ele foi uma grande liderança e fez um grande trabalho‘.

 

Proalmat

 

O programa de incentivos fiscais à cadeia produtiva do algodão, implantado durante o governo Dante de Oliveira, fez a produção da fibra em Mato Grosso saltar de 4% da produção nacional para 54%.

 

Crise

 

Agora, no governo Pedro Taques, o Proalmat será reformulado para que continue fomentando não apenas a produção de fibras, mas a industrialização da produção estadual. Mato Grosso é hoje o maior produtor de algodão do País, mas tem um polo têxtil insignificante e atravessando um momento de forte crise.

 

 

16
02

Facebook lança plataforma para combater bullying pela rede social

1Por Flávia Albuquerque

Agência Brasil

O Facebook lançou hoje (16), uma plataforma que oferece ferramentas para ajudar adolescentes, pais e professores a evitar e combater o bullying pela rede social. A Central de Prevenção ao Bullying no Brasil, desenvolvida em parceria com a organização não-governamental SaferNet Brasil e o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), deve entrar no ar até o final do dia. A central está dividida em seções inspiradas em situações reais de bullying. Há uma área para os adolescentes, uma para os pais e responsáveis, uma para os educadores, uma contendo informações e contatos dos parceiros e uma lista de recursos para denunciar conteúdos e configurar a privacidade. (mais…)

08
12

Blog do Mauro na Gazeta

 

 

Interesse estrangeiro

 

O governador Pedro Taques (PSDB), que participa em Paris da COP21 (Conferência do Clima) está animadíssimo com o interesse que dirigentes governamentais, empresas estrangeiras, fundos de investimentos e investidores privados demonstram por Mato Grosso.

 

Agenda 2016

 

Com sua peculiar desenvoltura, Pedro Taques não perde uma oportunidade para convidar potenciais investidores para uma visita em Mato Grosso. Já há uma pré-agenda sendo montada.

 

Governador Pedro Taques na COP21 em ParisExpectativa positiva 

 

Taques acredita que a Conferência de Paris vai render mais do que dividendos ambientais ao Estado. ‘Estamos tendo muitas reuniões e encontros paralelos ao evento‘, comemora o governador.

 

Sustentabilidade

 

A defesa de políticas públicas de fomento ao desenvolvimento sustentável, contemplando o aumento da produção com a manutenção dos atuais 60% do território com a vegetação nativa intacta desperta a atenção dos países que se interessam por importar alimentos produzidos no Estado.

 

Desmatamento zero

 

Ontem a Secretária do Meio Ambiente, Ana Luíza Peterlini, em nome do governo Taques, assinou, na embaixada brasileira em Paris, o compromisso de reduzir a zero o desmatamento em Mato Grosso até 2020.

 

Dados positivos

 

Pedro Taques pontuou que Mato Grosso já vem num processo de redução relevante do desmatamento.

 

Redução de 91%

 

De fato, em 2004 a taxa de desmatamento era de 11.814 km2. No ano passado esta taxa já havia caído para 1.075 km2, de acordo com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Uma redução de 91% em 10 anos.

 

Meta ousada

 

Por telefone, o governador Pedro Taques disse ontem que apesar de soar ousada a meta de erradicar o desmatamento no Estado em apenas cinco anos, ela será cumprida.

 

Convicção plena

 

‘Não é só um compromisso do Governo, mas de todo o setor produtivo, das entidades e da sociedade‘, afirmou. ‘Nós vamos cumprir‘, sentenciou Pedro Taques em tom categórico.

 

Peterlini

 

Antes de viajar a Paris, a secretária Peterlini, declarou que a COP21 é bem mais do que uma conferência ambiental. Num encontro com jornalistas destacou que “o que está em baila é a política econômica dos países, que terão de fazer mudanças na sua matriz energética, no modal de transporte e modo de produção, tudo isso envolve lobby em diversas áreas importantes, trazendo mudanças na utilização de tecnologias, o que requer muitos investimentos e metas que impõem limitações de desenvolvimento econômico”.

 

 

05
11

Mato Grosso terá Observatório do Turismo

1Por D’Laila Borges

Sedec/MT

Mato Grosso terá um Observatório do Turismo, uma ferramenta de observação da realidade turística que servirá para monitorar a evolução de dados e informações que subsidiem o planejamento, as decisões empresariais e a construção de políticas públicas para o setor. A informação foi divulgada durante reunião realizada no Palácio Paiaguás.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

31
10

Regulamentação de atividade deve beneficiar cerca de 10 milhões de artesãos

1Por Ana Lúcia Caldas

Radiojornalismo

Cerca de 10 milhões de artesãos brasileiros foram reconhecidos como trabalhadores profissionais com a sanção este mês da Lei nº 13.180/2015 . O texto estabelece diretrizes para as políticas públicas de fomento à profissão, institui a carteira profissional para a categoria e autoriza o Poder Executivo a dar apoio profissional aos artesãos.

(mais…)

Publicicade

Publicicade