Arquivo da Tag: "PLANO ECONÔMICO"
12
02

Economista propõe Plano Liberal para Bolsonaro

Por Estadão Conteúdo

 

A tentativa do deputado Jair Bolsonaro, pré-candidato à presidência da República, de se apresentar como opção liberal-conservadora nas eleições de outubro começa a ganhar contornos mais definidos pelas mãos do economista Paulo Guedes, anunciado como seu possível ministro da Fazenda, caso ele seja eleito.

 

Com uma trajetória política marcada por posições nacional-desenvolvimentistas, de viés estatizante, que ainda geram muita desconfiança entre os liberais, Bolsonaro diz agora que deixará as decisões ligadas à economia para Guedes, cujas ideias são conhecidas e respeitadas no mundo dos negócios, para tentar dar alguma consistência à sua propalada conversão ao liberalismo.

 

(mais…)

23
11

Julgamento de planos deve ser retomado em 2015, diz UBS

O julgamento dos planos econômicos, que saiu do radar nos últimos meses, deve voltar à pauta do Supremo Tribunal Federal (STF) no próximo ano, possivelmente, no segundo semestre de 2015 segundo o UBS. O tema, conforme relatório enviado a clientes, foi abordado durante viagem dos analistas Philip Finch, Frederic De Mariz, Mariana Taddeo, ao Brasil na última semana. (mais…)

05
06

Japão anuncia novo plano econômico para estimular crescimento

Por Renata Giraldi

Agência Brasil

Brasília – O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, divulgou hoje (5) o novo plano econômico para o país. Segundo ele, o objetivo é aumentar a renda nacional bruta per capita que é US$ 15 mil. Abe disse que a vitalidade do setor privado será a “força motriz” para o futuro. O plano inclui medidas de desregulamentação para revitalizar a economia e propostas de crescimento.

Abe informou que a ideia é eliminar uma série de barreiras, envolvendo medicamentos e a área de tecnologia. O primeiro-ministro acrescentou que há a intenção de criar áreas estratégicas nacionais – locais que ofereçam ambiente para negócios nos setores estratégicos.

O governo pretende apresentar o plano de crescimento em um painel sobre competitividade industrial. A proposta deve ser submetida à apreciação do Conselho de Ministros, no próximo dia 14.

Desde o terremoto seguido por tsunami, em março de 2011, o Japão administra uma série de prejuízos na área econômica. Na região de Fukushima, uma das mais atingidas, onde está parte da produção rural, as autoridades suspenderam a comercialização dos produtos devido ao risco de contaminação nuclear.

*Com informações da emissora estatal de televisão do Japão, NHK.

 

Publicicade

Publicicade