Arquivo da Tag: "Pedro Taques"
18
05

Secretarias de Gestão e Casa Civil vão debater com servidores decisão do TCE sobre RGA

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

A Secretaria da Casa Civil e a Secretaria de Gestão estão analisando a decisão monocrática do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de suspender o pagamento da Revisão Geral Anual (RGA). De acordo com o governador Pedro Taques (PSDB), quando a análise for concluída, ele irá tomar uma decisão se irá recorrer ou acatar a decisão da Corte de Contas.

 

“Mato Grosso precisa de um ajuste fiscal e nós estamos fazendo, desde a emenda condicional do Teto de Gastos. O ajuste é necessário porque precisamos respeitar os servidores, como nós estamos fazendo agora. MT tem mais de 100 mil servidores e nós temos políticas públicas precisando ser concretizadas”, afirmou Pedro Taques, na manhã desta quinta-feira (17).

 

Uma eventual decisão, entretanto, seria tomada depois de conversas com os servidores do Poder Executivo. Além disso, Taques pretende analisar a decisão e depois conversar com os conselheiros do Tribunal de Contas para analisar o que pode ser feito. O governador, entretanto, disse não estar com pressa, pois já foi concedida duas parcelas da RGA.

 

(mais…)

17
05

“Delação está transformando vagabundo em santo”, diz Taques

Alair Ribeiro/Midia News

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O governador Pedro Taques (PSDB) rebateu as declarações do ex-governador do Estado, Silval Barbosa (sem partido), na qual orienta os primos do governador, Paulo Taques e Pedro Zamar Taques, “contribuírem” com a Justiça através de delações premiadas. Ainda segundo Silval, todos os fatos denunciados pelo Ministério Público são “verdadeiros”.

 

“O processo é um instrumento de dignidade, agora a delação está transformando vagabundos em santos, transformando malandros em santos. Qualquer coisa que você fale contra um político ou de alguém próximo de um político, já vira a verdade absoluta”, afirmou o governador, em resposta às declarações de seu antecessor.

 

O ex-secretário da Casa Civil, Paulo Taques e seu irmão, Pedro Jorge Zamar Taques, foram presos pelo Grupo Especial de Atuação Contra o Crime Organizado (Gaeco), acusados de participarem de esquema de pagamento de propina através de empresas prestadoras de serviços do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

 

(mais…)

16
05

Geller desconversa sobre candidatura a vice de Pedro Taques

Por Jessica Bachega

HiperNotícias

 

O ex-ministro de Agricultura Pecuária e Abastecimento Neri Geller (PP) desconversou sobre sua possível candidatura a vice-governador seguindo a eventual reeleição de Pedro Taques (PSDB). Ele reafirmou seu nome como candidato a deputado federal, em nota divulgada nesta quarta-feira (16).

 

Por meio da assessoria, Geller declarou que os rumores de que seria candidato a vice não passam de especulações e que seguirá a decisão coletiva do partido.

 

Ressalta que tem bom relacionamento com o governador e declara apoio a candidatura para nova gestão, porém seu nome está disponível para uma cadeira na Assembleia Legislativa (ALMT).

 

(mais…)

16
05

AMM rebate Taques e avalia ir ao STF cobrar dívida

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PSD), rebateu informações do Governo do Estado sobre os repasses financeiros aos municípios. Enquanto o Governo tem afirmado cumprir, regularmente, os repasses de 2018, a AMM convocou coletiva para apresentar a outra versão. Os atrasados somam mais de R$ 290 milhões.

 

 

De acordo com dados levantados pela AMM no Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças, o Fiplan, todos os repasses em atraso somam R$ 292,5 milhões. R$ 11,4 mi referente ao transporte escolar; a diferença do Fethab de 2016 para 2017 de R$ 24,1 milhões e R$ 72 mi do Fundo Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social (Funedes).

 

 

Também segundo a Associação, o atrasado da Saúde totaliza R$ 184,2 milhões no tocante a atenção básica e a média e alta complexidade.  Há atrasos dos meses de setembro a dezembro de 2017 (R$ 31,6 mi); setembro a dezembro de 2017 (R$ 84,3 mi) e janeiro a abril de 2018 (R$ 68,3 milhões). A AMM avalia ir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para cobrar o Estado.

 

(mais…)

15
05

Novo presidente do Intermat nega que possa tenha sido indicação política

O novo presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), Demílson Nogueira, afirmou que sua posse não está atrelada a nenhum acordo político com o governador Pedro Taques (PSDB) mirando o projeto à reeleição do chefe do Executivo Estadual. Conforme o presidente, o momento certo para tratar de alianças políticas é agosto. A nomeação foi publicada no Diário Oficial, que circula nesta terça-feira (15).

 

 

“Estou trabalhando. Não trato de indicação partidária. As questões políticas vamos tratar para frente. Estou aqui para trabalhar. Há muita especulação. Vamos tratar de política no momento certo. Não houve nenhuma rasteira”, disse Nogueira.

 

 

A nomeação de Nogueira para presidir o Intermat vem sendo tratada como uma possível aproximação do Progressistas do governador. No entanto, o presidente estadual da legenda, deputado federal Ezequiel Fonseca, já entregou uma carta de intenções ao pré-candidato ao governo pela oposição, senador Wellington Fagundes (PR) e descartou a possibilidade de caminhar novamente com o tucano. A posse de Nogueira poderia provocar um racha na legenda.

 

(mais…)

14
05

Governador Pedro Taques cobra explicações de Thiago França sobre continuidade da EIG no Detran

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O governador Pedro Taques (PSDB) deverá exigir informações do presidente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Thiago França, sobre a continuidade da empresa investigada, EIG Mercados, como prestadora de serviços da autarquia estadual. A empresa é responsável por registrar contratos de financiamento de novos veículos e é acusada de pagamento de propina.

 

De acordo com uma investigação do Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual (MPE), a empresa teria desviado mais de R$ 30 milhões e distribuído a titulo de propina entre empresários e políticos. Ela também utilizava de empresas de terceiros para lavar dinheiro.

 

Após a delação do ex-presidente da autarquia, Teodoro Lopes, mais conhecido como Dóia, ser divulgado, o governador baixou um decreto, no qual encerrou o contrato de forma unilateral com a empresa. Segundo a Controladoria-Geral do Estado (CGE), foi identificado em uma auditoria, que o Detran poderia assumir os serviços prestados pela EIG.

 

(mais…)

14
05

“Faço gosto que o MP investigue”, diz Taques

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O governador Pedro Taques (PSDB) disse apoiar investigações do Ministério Público Federal (MPF) sobre a veiculação de uma propaganda institucional em nível nacional de uma televisão. De acordo com Taques, o fato de o MPF ter aberto uma investigação, não significa que já houve um desfecho da história. Para Taques, o processo judicial é um instrumento de “dignidade”.

 

“Isso não significa que eu tenha cometido absolutamente nada de errado. Eu faço gosto que o Ministério Público investigue, tem que investigar isso para ver se tem alguma coisa errada. Se tiver, vai ser consertada com total tranquilidade”, afirmou Taques, durante coletiva de imprensa, realizada na manhã desta segunda-feira (14), no Palácio Paiaguás.

 

Ainda segundo o Chefe do Estado, é bom o Ministério Público realizar a ação preventiva e não apenas ter a porta do cofre “arrombado”, como ocorreu na gestão anterior, quando um grupo criminoso desviou mais de R$ 1 bilhão do Estado, de acordo com auditorias da Controladoria-Geral do Estado (CGE).

 

(mais…)

08
05

Governo do estado avalia ampliar CHOA para subtenentes da PM

Fernanda Leite

Por HiperNotícias

 

Durante audiência solicitada pelo deputado Mauro Savi (DEM), no Palácio Paiaguás, nesta segunda-feira (7), o governador Pedro Taques (PSDB) sinalizou pela ampliação do número de vagas para o Curso de Habilitação de Oficiais Administrativos (C.H.O.A.), que hoje é de 115.

 

Para a comitiva de 80 subtenentes que estiveram presentes na reunião, o governador Taques disse que irá analisar a legislação de promoções  de carreiras da Polícia Militar. “Faço gosto que seja resolvida esta situação. Duas coisas que têm que ser respeitadas na Polícia Militar, hierarquia e disciplina. Não deixarei ninguém para trás e quero assumir este compromisso com vocês. Se estiver na legalidade”, pontuou o governador.

 

O chefe do Executivo pediu também a criação de uma comissão de acompanhamento do processo, que incluirá subtenentes, o secretário-chefe da Casa Civil, Júlio Modesto, o secretário de Segurança Pública, Gustavo Garcia, o chefe da Casa Militar, coronel Wesley de Castro Sodré e o deputado Mauro Savi.

 

(mais…)

08
05

“Perdemos aliados, mas ganhamos ex-adversários”, diz Domingos Sávio

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O secretário de Ciência e Tecnologia de Mato Grosso, Domingos Sávio, afirmou que o governador Pedro Taques ganhou muitos aliados, antes considerados adversários do tucano. A declaração é uma resposta à debandada de aliados e ao manifesto contra a reeleição do governador Pedro Taques (PSDB), assinado por 31 ex-aliados.

 

“Assim como nós perdemos alguns aliados, nós também ganhamos alguns ex-adversários. A política é isso, nós temos hoje ao nosso lado, vários deputados e legendas que não nos apoiaram na eleição passada”, afirmou Domingos Sávio, em entrevista, durante assinatura de ordem de serviço para construção do Parque Tecnológico de Várzea Grande.

 

Ainda segundo o secretário, que também acumula o Gabinete do Governo, Taques ainda conseguirá reverter o quadro da debandada de aliados quando abrir as contas do governo e mostrar as realizações.

 

(mais…)

07
05

“Não quero fazer comparações”, diz Taques sobre desafio de Mendes

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O governador Pedro Taques (PSDB) se esquivou do desafio do ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), para comparar as gestões enquanto prefeito com com a gestão do Estado, feita pelo governador Pedro Taques. Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (7), Pedro Taques disse estar “mais preocupado” em administrar o Estado.

 

“Não quero fazer comparação, não estou preocupado com eleição agora. Estou preocupado em continuar trabalhando e administrando Mato Grosso, só isso”, afirmou o governador, em assinatura de ordem de serviço para construção do Parque Tecnológico em Várzea Grande, nesta segunda.

 

Ainda de acordo com o governador, os adversários “podem criticar à vontade, mas me deixem trabalhar”.

 

(mais…)

Publicicade

Publicicade