Arquivo da Tag: "PARTIDOS"
21
06

Mulheres são minoria nas cúpulas dos partidos

PT é o partido com mais mulheres integrando a direção nacional

Por Estadão Conteúdo

 

A investida da Justiça Eleitoral para ampliar a participação feminina nas eleições não alterou a ampla predominância de homens nas direções nacionais dos partidos. Levantamento feito pelo jornal O Estado de S. Paulo mostra que em 19 das 30 siglas que elegeram deputados federais em 2018 as mulheres representam menos de 1/3 da composição da executiva nacional.

 

O levantamento foi feito com base em documentos entregues ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e nos sites dos partidos. As legendas com maior representação feminina nas suas direções nacionais são o PT – que é presidido pela deputada federal Gleisi Hoffmann (PR) -, com 13 mulheres entre 28 integrantes (46%), e o PSOL, com 8 de 19 nomes (42%). (mais…)

02
04

Partidos já preparam emendas para mudar Previdência

Solidariedade deve apresentar substitutivo ao projeto da Reforma

Por Estadão Conteúdo

 

Os partidos na Câmara já preparam sugestões de alterações na proposta de reforma da Previdência enviada pelo governo ao Congresso. O texto ainda precisa passar pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) – marcada para o dia 17 – mas líderes, inclusive do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, já engatilham emendas para quando a proposta estiver na comissão especial.

A retirada do texto das mudanças previstas para a aposentadoria rural e para o BPC (benefício assistencial pago a idosos e pessoas com deficiência carentes) é praticamente consenso, mas há outras sugestões de mudanças, como a redução na idade mínima e no tempo de contribuição para as mulheres.

(mais…)

03
03

Partidos ignoram denúncias envolvendo seus integrantes 

Por Estadão Conteúdo

 

Alheios ao discurso de renovação política que permeou a eleição do ano passado, partidos ignoram as denúncias de corrupção contra seus quadros. Das 25 legendas com representação no Congresso e que possuem parlamentares investigados ou denunciados, apenas uma analisou formalmente o caso que chegou à direção do partido. Mesmo assim, não houve punição.

 

A exceção foi o PDT, do senador Acir Gurgacz (PDT-RO), que dorme no Complexo Penitenciário da Papuda, mas segue trabalhando no Senado entre 8h e 19h. Condenado a quatro anos e seis meses de prisão em regime semiaberto por crime contra o sistema financeiro, ele foi considerado inocente por unanimidade pelo Conselho de Ética do seu partido. (mais…)

19
11

Partidos devem se ‘refazer’ junto com movimentos, diz FHC

Foto: JF DIORIO/ESTADÃO

Por Estadão Conteúdo

 

Os partidos de oposição devem se juntar aos movimentos sociais e “filtrar” as ações do próximo governo de olho no interesse do Brasil, declarou nesta segunda-feira (19) o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Em seu perfil no Twitter, o presidente de honra do PSDB disse ainda que “sentimentos contarão mais que partidos” e que as legendas precisam se “refazer” junto aos movimentos sociais.

 

“Hora de agir, pensando. Constituição na mão, oposições e sociedade filtrarão ação do Governo no interesse do Brasil. Sentimentos contarão mais que partidos. Estes devem refazer-se juntos com os movimentos”, escreveu FHC.

 

Ainda de acordo com o tucano, o movimento deve passar por “alianças novas, corrupção zero, emprego e decência.” “Criar futuro”, resumiu

08
08

PT se alia a partidos que apoiaram impeachment

Por Estadão Conteúdo

 

Apesar do discurso de que Dilma Rousseff foi vítima de um “golpe”, o PT se aliou em 15 Estados a partidos que apoiaram o impeachment da presidente cassada em 2016 e integraram o governo Michel Temer. Levantamento feito pelo jornal O Estado de S. Paulo mostra que o PT será cabeça de chapa ao governo em seis Estados em coligações com partidos que foram favoráveis ao impedimento. Na mão inversa, outros nove candidatos a governador de siglas que votaram pelo afastamento de Dilma vão ter o apoio do PT.

 

Desses nove, há filiados ao MDB, PSD, PTB, PR e Rede. Outros quatro são do PSB, partido que em 2016 orientou voto favorável ao afastamento da presidente cassada. Agora, porém, o PSB – que sempre foi um aliado histórico dos petistas – fechou acordo nacional com o PT para não apoiar formalmente nenhum candidato à Presidência.

 

(mais…)

05
08

Oposição ao atual governo, Wellington é candidato a governador com 10 partidos

wellington fagundes convecao

Alan Cosme/Hipernotícias

Por HiperNotícias

 

Oposição à atual gestão do governo do Estado, o senador Wellington Fagundes (PR-MT) foi homologado em convenção neste domingo (5) como candidato a governador de Mato Grosso. Com o apoio de 10 partidos, a chapa do republicano terá a servidora pública Sirlei Theis (PV) como candidata a vice. O deputado federal Adilton Sachetti (PRB) e a ex-reitora da UFMT Maria Lúcia Cavalli (PCdoB) serão os postulantes ao Senado Federal.

 

Com foco na mudança para Mato Grosso, atenção às pessoas e aos municípios, Wellington Fagundes afirmou que é fundamental retomar o processo de desenvolvimento do Estado, desde que o cidadão esteja em primeiro lugar. “Quero governar colocando as pessoas em primeiro lugar, com uma gestão que olhe e cuide do cidadão. Um governo precisa estar junto do povo, ouvindo, aprendendo, definindo prioridades e liderando esse processo de desenvolvimento”, afirma.

 

(mais…)

26
07

Centrão oficializa apoio a Geraldo Alckmin para Presidência

Por Karine Melo

Agência Brasil

 

Partidos que compõem o chamado Centrão, formado por DEM, PP, PRB, PR e Solidariedade, oficializaram nesta quinta-feira (26 ) apoio à pré-candidatura do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República. O nome do vice-presidente continua sem definição. O assunto permanece em reuniões internas com lideranças dos partidos e o presidenciável, em Brasília.

 

O bloco aguarda resposta definitiva ao convite feito ao empresário Josué Gomes (PR), filho de José Alencar, vice-presidente do governo Luiz Inácio Lula da Silva, morto em 2011, vítima de câncer. Ao ser questionado sobre o vice, Alckmin voltou a dizer que “não está com pressa” e que tem até o dia 4 de agosto, dia da convenção nacional dos tucanos, para definir um nome.

 

(mais…)

19
07

Começam amanhã convenções para escolha dos candidatos a presidente

Por Luiza Damé

Agência Brasil

 

Ainda com o cenário das coligações indefinido, os partidos políticos iniciam nesta sexta-feira (20) as convenções nacionais que vão decidir os candidatos à Presidência da República, nas eleições de outubro. Os nomes dos candidatos a presidente e a vice têm que ser aprovados nas convenções até 5 de agosto e registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até 15 de agosto.

 

Neste momento, há 18 pré-candidatos, mas esse número já foi superior a 20 – alguns desistiram no meio do caminho, outros foram barrados pelos partidos políticos. O total de candidatos poderá ser menor, já que alguns partidos, como o DEM, o SD e o PCdoB, estão sendo provocados a desistir da candidatura própria para apoiar chapas mais competitivas.

 

(mais…)

20
05

Fagundes assedia partidos da Frentinha e indecisos

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O pré-candidato ao Governo do Estado, o senador Wellington Fagundes (PR), vai se reunir na próxima segunda-feira (21) com os partidos da “Frentinha”, formado pelo Podemos; PMN; Pros; PRP; Avante e PSDC. O objetivo é tentar angariar o apoio das agremiações partidárias. Além disso, Fagundes também articula junto ao PV e ao Democratas, partidos ainda indecisos.

 

“Amanhã teremos uma reunião com o PC do B, na qual vão estar convencionando a intenção com quem coligar, como fez o PP ontem. Nós já temos uma base consolidada, esses cinco partidos. Mas, de forma muito concreta, há a possibilidade de avançar com o PC do B, PV, PT e até com o Democratas, mas o DEM ainda faz parte deste governo”, disse Fagundes.

 

As declarações foram dadas durante entrevista coletiva com o presidenciável e senador paranaense, Alvaro Dias (Podemos), na Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato). “Nós vamos nos reunir com o Podemos na próxima segunda-feira. Nós vamos lá dialogar”, afirmou.

 

(mais…)

17
05

Partidos terão mais 90 dias para fazer prestação de contas de 2017

Divulgação/TSE

Por Jonas Valente

Agência Brasil

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu mais 90 dias para os partidos apresentarem, complementarem ou corrigirem as prestações de conta referentes ao ano de 2017. A decisão foi tomada pelos ministros por unanimidade hoje (17). O prazo conta a partir do dia 30 de abril, prazo inicial para cumprir com esta obrigação.

 

A decisão foi tomada no âmbito da análise de um pedido assinado pelos partidos Avante, PCdoB, PMDB, PMN, PPS, PP, PROS, PSDC, PRP, PTB, PTC e PT, que solicitaram a suspensão do sistema eletrônico criado pelo Tribunal para que as legendas enviem suas contas, denominado Sistema de Prestação de Contas Anual.

 

Os partidos reclamam de problemas operacionais do sistema. Também ponderam que não foram chamados a participar do debate sobre seus requisitos. Embora reconheçam a importância de uma ferramenta desta, a classificam no documento como “inadequada” e listaram 11 falhas.

 

(mais…)

Publicicade

Publicicade