Arquivo da Tag: "NERI GELLER"
18
07

Geller afirma que PP segue na aliança com Fagundes, mas não fecha as portas para ninguém

Por Danna Belle

HiperNotícias

 

Ex-ministro de Agricultura, Pecuária e Abastecimento e pré-candidato a deputado federal, Neri Geller (PP), continua defendendo a pré-candidatura ao Governo do Estado do senador Wellington Fagundes (PR), mas afirma que o Partido Progressista ainda não fechou o período de negociações.

 

“Defendo muito, dentro do partido que não, se feche as portas para ninguém, por enquanto. A composição pré-estabelecida é acompanhar o senador Wellington Fagundes. O compromisso foi formado e o partido vai manter essa pré-disposição”, disse em entrevista na terça-feira (17).

 

(mais…)

21
05

Neri nega propina e diz que acusação é “sem fundamento”

O ex-secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller, negou que tenha recebido propina e disse ser “sem fundamento” a informação de que ele teria tirado foto com Florisvaldo Oliveira, o “homem mala” da JBS, após ter recebido R$ 250 mil em propina, no ano de 2014. Geller ainda declarou que a notícia “é requentada”, uma vez que foi publicada em agosto de 2017 pela revista Época.

 

Questionado se a nova publicação, feita pela revista Veja esta semana, poderia ser uma forma de atingir seu projeto de disputa ao cargo de deputado federal, Geller ponderou que há essa possibilidade.

 

“Meu nome está crescendo, estou sentindo isso no estado. Alguns setores estão defendendo meu nome para majoritária, mas esse não é meu foco, não há nenhuma chance. Meu projeto é federal e levanta ciumeira sim. Não estou acusando ninguém. Estou tranquilo. No meu trabalho no Ministério andei muito por Mato Grosso, ajudei o país e não teria cabimento tirar foto no gabinete e mandar para lá com esse tipo de coisa”, argumentou.

 

Para explicar a foto com Florisvaldo, Neri alegou que enquanto desempenhou o cargo de ministro, era praxe do ministério registrar todas as reuniões que tinha no gabinete, inclusive com fotografias. “Tirei mais de 20 mil fotos. Era de praxe. Minha agenda nesses três anos como ministro foi 100% pública. Recebia pessoas e na maioria das vezes fazia audiências com a presença de técnicos e da minha assessoria. Tirávamos fotos de praticamente todos. São 20 mil fotos. Se tiver foto de gente que fez coisa errada, pode até ser. Essa foto foi minha assessoria quem tirou”, alegou.

(mais…)

21
05

PP descarta Neri Geller como vice de Pedro Taques

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O presidente do Progressistas em Mato Grosso, deputado federal Ezequiel Fonseca, afirmou que “nunca” passou pela cabeça dos integrantes do partido comporem uma aliança com o atual governador Pedro Taques (PSDB), para uma eventual disputa ao Governo do Estado. Com isso, ele também rechaçou qualquer possibilidade de Neri Geller ser candidato a vice de Taques.

 

Além das especulações envolvendo o nome de Geller, a posse do presidente municipal do Progressistas, Demílson Nogueira, como presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), sugeria uma aproximação do partido junto a Pedro Taques. Na avaliação de Fonseca, Taques articula para criar um racha dentro da agremiação.

 

(mais…)

21
05

Geller registrou encontro com “homem da mala” da JBS

Publicação feita pela Revista Veja esta semana aponta que o ex-secretário de Política Agrícola, Neri Geller, teria rebecido um montante de R$ 250 mil em propina pago por Florisvaldo Oliveira, o encarregado de distribuir os valores pagos irregularmente pela JBS. O pagamento teria ocorrido no dia 3 de novembro de 2014, quando Neri Geller ainda exercia o cargo de Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, no governo da petista Dilma Rousseff. O encontro ainda teria sido registrado pelo fotógrafo do Ministério, a pedido da própria assessoria.

À época Neri estava filiado ao MDB – muito próximo a Eduardo Cunha e Michel Temer –  e ocupava o cargo por indicação do partido. Ainda em agosto de 2017, a suposta propina paga a Neri Geller veio à tona quando uma planilha foi entregue ao Ministério Público Federal por Florisvaldo, que ficou conhecido como “o homem da mala” da JBS. Nela estava registrado o pagamento de R$ 250 mil a Geller.

(mais…)

16
05

Geller desconversa sobre candidatura a vice de Pedro Taques

Por Jessica Bachega

HiperNotícias

 

O ex-ministro de Agricultura Pecuária e Abastecimento Neri Geller (PP) desconversou sobre sua possível candidatura a vice-governador seguindo a eventual reeleição de Pedro Taques (PSDB). Ele reafirmou seu nome como candidato a deputado federal, em nota divulgada nesta quarta-feira (16).

 

Por meio da assessoria, Geller declarou que os rumores de que seria candidato a vice não passam de especulações e que seguirá a decisão coletiva do partido.

 

Ressalta que tem bom relacionamento com o governador e declara apoio a candidatura para nova gestão, porém seu nome está disponível para uma cadeira na Assembleia Legislativa (ALMT).

 

(mais…)

18
04

Diego Guimarães e Neri Geller são convidados a deixar partido, diz Fonseca

O presidente estadual do Progressistas, deputado federal Ezequiel Fonseca, afirmou que a posse do vereador Diego Guimarães como presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat) foi feita como forma de tentar causar confusão dentro da agremiação e não pode ser vista como uma possível aproximação da legenda ao governador Pedro Taques (PSDB). Fonseca ainda ponderou que a decisão de Guimarães é pessoal, individual e que há tempos ele não vem atendendo as orientações partidárias.

 

Diego Guimarães entrou em rota de colisão com a direção partidária quando contrariou a orientação de não apoiar a criação da CPI do Paletó, na Câmara Municipal de Cuiabá. Isso porque o Progressistas faz parte da base aliada do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). A Comissão foi criada com o intuito de investigar se o prefeito recebeu ou não propina enquanto deputado estadual.

 

Diante da desobediência em manter distância de Taques, Fonseca convidou Guimarães a se retirar do partido. O convite ainda foi estendido ao ex-secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, que teria supostamente articulado a ida do vereador para o cargo no Executivo.

 

(mais…)

16
04

Neri apoia Diego no Intermat e Ezequiel quer “distância de Taques”

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O ex-secretário de Política Agrícola  do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Neri Geller, afirmou que o vereador por Cuiabá, Diego Guimarães (PP) vai fazer um “grande trabalho” a frente do Instituo Mato-Grossense de Terras (Intermat). Diego foi convidado por Taques na semana passada e a nomeação é dada como certa pelos progressistas.

 

Deverá assumir o lugar dele na Câmara de Vereadores de Cuiabá, o presidente do Progressistas Municipal, Demilson Nogueira. “Foi um convite pessoal do governador ao vereador Diego. Ele conversou com todas as lideranças, está muito pacificado dentro do partido e eu tenho certeza, vai fazer um grande trabalho junto ao Intermat”, disse Neri Geller nesta segunda-feira (16).

 

Neri ainda negou uma suposta articulação para ele ser pré-candidato a vice-governador, na chapa encabeçada pelo atual governador Pedro Taques (PSDB). O ex-secretário deixou o cargo no dia 6 de abril e garante disputar o cargo de deputado federal. Neri ainda lembrou que vereador é egresso de Guarantã do Norte, município do extremo Norte do Estado.

 

(mais…)

03
03

Neri diz que não vai para “projeto suicida” e foco é disputar cargo de deputado federal

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O secretário nacional de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Neri Geller (PP), disse se sentir “lisonjeado” com o convite do presidente do diretório estadual do PP, Ezequiel Fonseca, para disputar ao Senado Federal, na ausência do ministro da Agricultura e senador licenciado, Blairo Borges Maggi (PP). O secretário, entretanto, garantiu que não vai para um “projeto suicida”.

 

Maggi anunciou, nessa segunda (26), que iria abandonar a vida pública. Ele deve priorizar a família e as suas empresas. O ministro ainda disse que não vai apoiar ninguém nestas eleições. O nome do secretário Neri surgiu como uma opção após o anúncio, por indicação do deputado federal Ezequiel Fonseca. Geller, entretanto, prefere esperar a “poeira abaixar”.

 

(mais…)

26
02

Com decisão de Blairo Maggi, PP poderá ter Neri Geller na disputa pelo Senado

Neri Geller

Por HiperNotícias

 

O Progressistas de Mato Grosso não abre mão de indicar um candidato à chapa majoritária e, até o final da semana, deverá apontar um substituto para o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, que nesta segunda-feira (26) anunciou sua desistência da disputa eleitoral deste ano. As afirmações foram dadas pelo presidente estadual da sigla, o deputado Ezequiel Fonseca.

 

“O partido não abre mão da vaga na majoritária. A partir de agora vamos começar a construir um novo nome para participar do processo. Esta semana teremos um nome para assumir a vaga no partido”, salientou o parlamentar, que acompanhou o anúncio feito por Blairo, na sede da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM).

 

(mais…)

31
01

Neri Geller mira Câmara Federal e destaca ações no Ministério da Agricultura

Por Michely Figueiredo/Felipe Leonel

HiperNotícias

 

Pré-candidato a deputado federal nas eleições que se avizinham, o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller, afirma que trabalhou muito por Mato Grosso e pelo país na oportunidade que teve, o que o credenciaria para chegar a Câmara Federal. Ocupando pela segunda vez o cargo de secretário do Mapa, Geller afirma que conseguiu disponibilizar o maior plano safra da história do Brasil.

 

“O plano safra foi o maior da história do Brasil, R$ 192 bilhões, priorizando alguns problemas que são mais importantes, como armazenagem, por exemplo, o prazo de 15 anos para pagar, 3 anos de carência e a redução da taxa de juro de 8,5% para 6,5%”, pontuou.

 

(mais…)

Publicicade

Publicicade