Arquivo da Tag: "MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO"
15
07

Bloqueio de verbas faz universidades cortarem bolsa, transporte e até bandejão

Por Estadão Conteúdo

 

De falta de bandejão até viagens técnicas barradas. Os efeitos do bloqueio de verbas nas universidades federais, anunciado pelo Ministério da Educação (MEC), vêm sendo sentidos por aqueles que estão na ponta: os alunos. Em meio aos cortes, as instituições têm anunciado medidas de economia, enquanto que os estudantes, para contornar os problemas, apelam para marmitas, caronas, vaquinhas e até empréstimos, destaca o jornal O Estado de S. Paulo.

 

Em abril, o MEC anunciou o bloqueio de verbas discricionárias das universidades. Esses recursos são usados, por exemplo, para o pagamento de terceirizados, contas de água e luz e obras. Universidades ouvidas pela reportagem relatam dificuldades para honrar os contratos de funcionários nas áreas de limpeza e segurança – e algumas preveem até a suspensão das atividades. Bolsas de intercâmbio, iniciação científica e estágio também estão ameaçadas.

(mais…)

15
05

‘Balbúrdia’ do ministro virou inspiração nas faculdades

Por Estadão Conteúdo

 

O ministro da Educação Abraham Weintraub ressuscitou a balbúrdia a palavra. O termo que já saiu da boca de personagens shakespearianos e outros clássicos, e andava meio esquecido no meio de tanta “confusão”, “alvoroço”, “escarcéu” e “zoeira”, ganhou força ao ser usado como uma das justificativas para o corte de recursos das federais. “Universidades que, em vez de procurar melhorar o desempenho acadêmico, estiverem fazendo balbúrdia, terão verbas reduzidas”, disse o ministro em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo no dia 30. Declaração essa que, claro, causou “alarido”.

 

Tão logo a “balbúrdia” foi ganhando o noticiário, os alunos das universidades federais trataram de reinterpretá-la. Assim, instituições como a UnB (Universidade de Brasília), a UFPE (Universidade Federal de Pernambuco), a UFPR (Universidade Federal do Paraná), a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e muitas outras criaram perfis no Instagram batizados de “balbúrdia” (e mais a sigla da instituição, como @balburdiaufrj ou @balburdiaufpe). (mais…)

06
05

Bloqueio do MEC atinge mestrado e doutorado

Por Estadão Conteúdo

 

Os reflexos do contingenciamento de R$ 7,4 bilhões do Ministério da Educação já começam a ser sentidos nos cursos de mestrado e doutorado. A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) vai congelar neste semestre bolsas que estão ociosas e reduzir aquelas que são concedidas em instituições mal avaliadas. Associações das áreas de ciência e educação devem começar hoje a se mobilizar para reverter bloqueios no Congresso.

 

Além do aperto na oferta de bolsas, a Capes vai encerrar o programa Idiomas Sem Fronteiras, que havia sido criado na esteira do Ciência sem Fronteiras. A coordenação não informou quantas bolsas serão atingidas com as medidas, mas a conta é reduzir inicialmente R$ 150 milhões dos R$ 3,4 bi destinados para a atividade. (mais…)

11
04

Novo ministro da Educação anuncia nomes sem experiência na área

Por Estadão Conteúdo

 

O novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, vai levar para o MEC pessoas sem experiência na área e que atuavam na Casa Civil e no Ministério da Economia. Das sete secretarias sob seu comando, cinco tiveram novos nomes anunciados nesta quarta-feira (10).

 

A Secretaria de Educação Básica (SEB) passa a ser chefiada por Janio Carlos Endo Macedo. Formado em Direito e com especializações em Administração, atuou por mais de dez anos em banco e, em 2016, durante a gestão Michel Temer, foi nomeado secretário executivo do então Ministério do Trabalho. (mais…)

11
03

Ministro da Educação demite coronel atacado por olavistas

Por Estadão Conteúdo

 

Após reunião com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada na manhã deste domingo (10) o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, decidiu exonerar coronel-aviador da reserva Ricardo Wagner Roquetti do cargo de diretor de programa da Secretaria Executiva da pasta.

 

Ao longo da tarde, integrantes do grupo do filósofo e escritor Olavo de Carvalho divulgaram nas redes sociais que Bolsonaro pediu ao ministro o afastamento do diretor de programa da Secretaria Executiva, coronel-aviador da reserva Roquetti. A Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom) não se pronunciou sobre a exoneração do assessor. O afastamento, no entanto, foi confirmado pelo Estado. (mais…)

06
02

MEC divulga hoje resultado da primeira chamada do ProUni

1Por Mariana Tokarnia

Agência Brasil

O Ministério da Educação (MEC) divulga hoje (6) o resultado da primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni). Os candidatos pré-selecionados têm até o próximo dia 13 para apresentar à instituição de ensino os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição.

(mais…)

01
11

Prazo de renovação de contratos do Fies é prorrogado até 15 de dezembro

1O Ministério da Educação, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), prorrogou para 15 de dezembro o prazo para a renovação de contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) referente ao segundo semestre deste ano. A decisão está publicada em portaria no Diário Oficial da União (DOU). O período para a solicitação dos aditamentos foi aberto no último dia 19 e terminaria nesta segunda-feira, dia 31 de outubro.

(mais…)

15
08

MEC fixa regras para preencher vagas remanscentes do Fies

1Por Yara Aquino

Agência Brasil

O Ministério da Educação fixou critérios para a ocupação de vagas remanescentes do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) referentes ao segundo semestre de 2016. As vagas remanescentes são aquelas não ocupadas durante o processo seletivo regular. As regras estão em portaria publicada na edição de hoje (15) do Diário Oficial da União.

(mais…)

02
07

MEC adia prazo de inscrição no Fies em 15 dias

1O início do prazo para que os pré-selecionados ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) concluam suas inscrições no Sistema Informatizado do Fies (SisFies) começaria ontem, mas foi adiado para o próximo dia 15. O atraso ocorreu porque houve a necessidade de “ajustes no sistema”, de acordo com o Ministério da Educação.

O ministro Mendonça Filho, que estava cumprindo agenda em Aracaju, em Sergipe, teve de voltar emergencialmente a Brasília para acompanhar a situação no MEC. O problema no sistema se refere à comprovação de renda dos pré-selecionados, que somaram 294 mil no fim das inscrições, até anteontem.

(mais…)

Publicicade

Publicicade