Arquivo da Tag: "Mauro Mendes"
19
02

Mendes assina decreto que extingue cargos e enxuga estrutura da MTI

O governador Mauro Mendes (DEM) assinou o decreto que modifica a estrutura organizacional da Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) e extingue 30% dos cargos em comissão, a fim de contribuir para a viabilidade econômico-financeira da MTI. O decreto nº 38/2019 está publicado no Diário Oficial que circulou na sexta-feira (15).

 

De acordo com o decreto, as mudanças ocorreram principalmente na parte administrativa da MTI, com a extinção do cargo da chefia de gabinete e a redução de quatro para duas diretorias: Diretoria Administrativa e a Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação. (mais…)

08
02

Mourão participa do encerramento da colheita de soja em Sorriso

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão (PRTB), estará em Sorriso (420 km ao Norte de Cuiabá), no dia 15 de fevereiro para participar do encerramento da colheita de soja na safra 2018/2019. Devem acompanhá-lo a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina e o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes.

Na oportunidade, Mourão também irá abrir, simbolicamente, o plantio de milho safrinha de 2019. Além do ato, é esperado o anúncio de investimentos em unidades fabris, pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias para o agronegócio do Estado, por empresas com capital 100% brasileiro. (mais…)

07
02

Plano de demissão voluntária resultará em economia de R$ 106 mi em 4 anos

Governador busca meios de equilibrar a máquina pública

Por assessoria

 

O Plano de Demissão Voluntária (PDV) do Governo do Estado irá gerar uma economia aos cofres públicos de aproximadamente R$ 48,3 milhões nos próximos dois anos. Os dados constam em um levantamento realizado pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), que coordena o trabalho, junto a três estatais: Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI), Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e a Empresa Mato-grossense de Mineração (Metamat).

 

Conforme o levantamento, 375 empregados públicos dessas três empresas demonstram interesse em aderir ao PDV, sendo 146 na MTI, 180 na Empaer e 49 na Metamat. Somente em 2019 a economia gerada com o PDV pode chegar R$ 21,5 mi. Em 2020 esse valor passaria para R$ 26,8 mi. Já em 2021 para R$ 27,6 mi e em 2022 chega a R$ 30 mi, totalizando R$ 106 mi nos próximos quatro anos. (mais…)

05
02

Executivo anuncia calendário de pagamento dos servidores; 65% receberão salário integral dia 11

Por Assessoria

 

O Governo do Estado definiu, na noite desta segunda-feira (4), as datas dos pagamentos dos salários dos servidores estaduais. Ao contrário do que ocorreu com o pagamento de dezembro, quando os salários foram pagos de acordo com o valor da remuneração dos servidores, os salários de janeiro contemplarão todos os servidores, por faixa de valor, já na primeira data de pagamento. Com esse procedimento, 65% dos servidores receberão seus salários integralmente.

 

O primeiro pagamento ocorrerá na próxima segunda-feira (11), quando o Governo depositará até R$ 5 mil para todos os servidores ativos, aposentados e pensionistas, no valor total de R$ 330.005.909,94. (mais…)

01
02

Governador pede que deputados tenham coragem e se unam por MT

Foto: Tchélo Figueiredo

“Esse é o momento de ter coragem. De enfrentar as dificuldades com grandiosidade e ousadia”. Essas foram as palavras do governador Mauro Mendes (DEM) para os 24 deputados estaduais que foram empossados na manhã desta sexta-feira (1º), no Teatro Zulmira Canavarros para a 19ª legislatura. “Precisaremos muito dos senhores, que honrem esse compromisso e juramento que fizeram. Se trabalharmos com lealdade, se dermos as mãos, teremos muito que nos orgulhar daquilo que faremos nos próximos anos”, complementou.

 

Mendes se refere ao momento crítico pelo qual Mato Grosso passa e que exigirá medidas duras para que o estado retome os trilhos. E o Parlamento terá participação preponderante neste processo. O democrata herdou o Executivo com um passivo de R$ 4 bilhões.

 

(mais…)

21
01

Valor Econômico traz MT entre estados que beiram colapso

Matéria produzida pelo site Valor Econômico insere Mato Grosso na lista dos estados que beiram o colapso em função de dívidas herdadas de gestões passadas e também pelo déficit no orçamento de 2019. Além de Mato Grosso, estão em situação preocupante os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Goiás. Até o momento, apenas Goiás não decretou estado de calamidade financeira. Os seis estado iniciam o ano com um rombo total de R$ 74,1 bilhões, sendo que deste montante R$ 4 bilhões são referentes apenas a Mato Grosso. (mais…)

21
01

Novo presidente do Detran-MT mira no combate à inadimplência

Escolhido na última semana pelo governador Mauro Mendes (DEM) para assumir o comando do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran), o engenheiro civil Gustavo Reus Lobo de Vasconcellos coloca como metas o combate à inadimplência, a redução do tempo de espera para resolução de processos e a implementação de ações que visam facilitar o acesso do cidadão aos serviços prestados pela autarquia.

 

“Hoje existe uma grande dificuldade do usuário em conseguir resolver suas pendências no Detran. Temos que informatizar ao máximo e arrecadar mais, mas não cobrando mais caro, e sim cobrando de forma eficaz. Muitos desistem de procurar os serviços pela burocracia existente. Temos que dar agilidade ao usuário”, afirmou. (mais…)

17
01

Governador decreta calamidade financeira nesta quinta-feira; AL deve aprovar

Decreto visa buscar reequilíbrio financeiro

Por Assessoria

 

Nesta quinta-feira (17), o governador Mauro Mendes irá protocolar na Assembleia Legislativa o decreto de calamidade financeira de Mato Grosso, como medida emergencial para buscar o reequilíbrio das contas do Estado. Ele irá explicar os detalhes sobre o decreto em coletiva à imprensa no Palácio Paiaguás, às 11h.

 

Mauro Mendes se reuniu em Brasília na quarta-feira (16) com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e apresentou a grave situação pela qual passa o Estado, com um acúmulo de dívidas de restos a pagar na ordem de R$ 3,9 bilhões. (mais…)

15
01

Mauro Mendes confirma decreto de calamidade financeira

Em reunião na Assembleia Legislativa, na tarde desta terça-feira (15), o governador Mauro Mendes (DEM) confirmou que apresentará decreto de calamidade financeira no estado de Mato Grosso. A medida visa principalmente forçar o Governo Federal a pagar o Auxílio Financeiro para Fomento das Exportações (FEX), no valor aproximado de R$ 500 mil.

 

A previsão é que o governador vá nesta quarta-feira (16) a Brasília discutir a situação com o Governo Federal antes de apresentar o documento para apreciação da Assembleia Legislativa.

(mais…)

14
01

Deputados novatos defendem que reforma administrativa seja votada apenas em fevereiro

Em reunião realizada pelo governador Mauro Mendes (DEM) na manhã desta segunda-feira (14) com integrantes da 19ª legislatura, que tomarão em 1º de fevereiro, os deputados novatos defenderam que a Assembleia Legislativa aprecie a proposta de reforma administrativa apenas no próximo mês. Para o parlamentar Thiago Silva (MDB), a redução de 24 para 15 secretarias pode esperar a chegada dos novos deputados para ser votada. Por outro lado, o emedebista considera que o novo Fethab, que pode injetar até R$ 1,5 bilhão nos cofres do estado ainda este ano, deve ser avaliado o mais rapidamente possível.

 

Na oportunidade, como fez na semana passada com a atual legislatura, Mendes apresentou dados sobre a situação financeira de Mato Grosso e pediu auxílio para a aprovação do pacote denominado “Pacto por Mato Grosso”, composto por projetos que visam tirar o estado da crise. As propostas tratam da reorganização do Fethab, da reforma administrativa, da criação da Lei de Responsabilidade Fiscal estadual e também de critérios para a concessão da Revisão Geral Anual (RGA) aos servidores públicos. O Estado amarga um défict nas contas públicas de aproximadamente R$ 4 bilhões. Somente referente ao ano de 2019 esse montante chega a R$ 1,7 bilhão, conforme a Lei Orçamentária Anual encaminhada à Assembleia.

 

(mais…)

Publicicade

Publicicade