Arquivo da Tag: "MATO GROSSO"
21
01

Valor Econômico traz MT entre estados que beiram colapso

Matéria produzida pelo site Valor Econômico insere Mato Grosso na lista dos estados que beiram o colapso em função de dívidas herdadas de gestões passadas e também pelo déficit no orçamento de 2019. Além de Mato Grosso, estão em situação preocupante os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Goiás. Até o momento, apenas Goiás não decretou estado de calamidade financeira. Os seis estado iniciam o ano com um rombo total de R$ 74,1 bilhões, sendo que deste montante R$ 4 bilhões são referentes apenas a Mato Grosso. (mais…)

17
01

Governador decreta calamidade financeira nesta quinta-feira; AL deve aprovar

Decreto visa buscar reequilíbrio financeiro

Por Assessoria

 

Nesta quinta-feira (17), o governador Mauro Mendes irá protocolar na Assembleia Legislativa o decreto de calamidade financeira de Mato Grosso, como medida emergencial para buscar o reequilíbrio das contas do Estado. Ele irá explicar os detalhes sobre o decreto em coletiva à imprensa no Palácio Paiaguás, às 11h.

 

Mauro Mendes se reuniu em Brasília na quarta-feira (16) com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e apresentou a grave situação pela qual passa o Estado, com um acúmulo de dívidas de restos a pagar na ordem de R$ 3,9 bilhões. (mais…)

14
01

Segurança Pública perde 45% da frota por falta de pagamento

Por Assessoria

 

A Secretaria de Segurança Pública perdeu nos últimos meses, por falta de pagamento, 45% da frota de veículos das Polícias Civil e Militar, além do Corpo de Bombeiros. A perda dos veículos, que são todos locados, reflete diretamente na prestação dos serviços de segurança pública à população. O prejuízo é causado pelo atraso no pagamento de locadoras no montante de R$ 13,5 milhões.

 

De acordo com o levantamento da secretaria, a maioria das locadoras está há 90 dias sem receber nenhum pagamento. O secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, articula junto às empresas locadoras uma forma de manter os serviços à população. (mais…)

11
01

Executivo abre orçamento 2019 enquanto AL não aprova LOA

O Governo de Mato Grosso, por meio da Lei 10.802, de 10 de janeiro de 2019, publicada no Diário Oficial que circula nesta sexta-feira (11), abriu o orçamento deste ano para custeio de pessoal e encargos sociais, transferências aos municípios por repartição de receitas, serviço da dívida pública, PIS/PASEP, sentenças judiciais e despesas relativas às áreas de atuação das Secretarias de Estado de Saúde, de Educação, Esporte e Lazer, de Segurança Pública e de Justiça e Direitos Humanos.

 

Também podem ser atendidas pelo estado as ações constantes do Anexo de Metas e Prioridades do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias e demais despesas que demonstrem ser inadiáveis.

 

(mais…)

10
01

LRF, Fethab e Reforma administrativa chegam à AL

 

O governador Mauro Mendes (DEM) entregou nesta quinta-feira (10), na Assembleia Legislativa, o pacote de leis, denominado “Pacto por Mato Grosso”, que busca estabelecer parâmetros legais para o enfrentamento das dificuldades financeiras às quais enfrenta o Estado. São três projetos de lei para auxiliar no processo de recuperação financeira do estado. Os documentos foram entregues em plenário, durante sessão ordinária matutina, e tiveram dispensa de pauta aprovada.

 

(mais…)

25
10

Gallo se reúne com Eliseu Padilha em busca de receber o FEX

Gallo se reúne com Eliseu Padilha na próxima semana

Em entrevista concedida à Rádio Vila Real, na manhã desta quinta-feira (25), o secretário estadual de Fazenda, Rogério Gallo, confirmou que Mato Grosso poderá não receber este ano a parcela do Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX). A constatação foi feita depois de uma reunião com o Secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, que expôs haver um problema de caixa no Governo Federal que pode impossibilitar o pagamento. Caso os R$ 400 milhões não sejam enviados a Mato Grosso, o Executivo poderá não conseguir cumprir com os repasses aos municípios.

 

Rogério Gallo volta na próxima semana a Brasília para articular a liberação do FEX com o ministro chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Depois da reunião com Mansueto Almeida, Gallo recorreu ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi (PP) na expectativa de receber auxílio, uma vez que o pepista é bastante influente no governo de Michel Temer. Maggi se comprometeu a conversar diretamente com o presidente para tentar garantir a chegada do FEX ao estado.  (mais…)

23
10

Gallo vai a Brasília em busca da liberação do FEX

O secretário estadual de Fazenda, Rogério Gallo, deverá ir a Brasília nesta quarta-feira (24) brigar pela liberação do pagamento do Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX) ainda este ano. A informação foi confirmada pelo Gabinete de Comunicação do Governo de Mato Grosso. Prestes a concluir o mandato, o governador Pedro Taques (PSDB) conta com o montante para ajustar as finanças estaduais.  (mais…)

23
10

Três mil policiais trabalharão nas eleições deste domingo em MT

Da assessoria

O planejamento da segurança em Mato Grosso para o segundo turno das eleições, que ocorrerá no próximo domingo (28), foi apresentado ao ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. Juntamente com outros estados da federação, as informações foram repassadas em videoconferência realizada nesta segunda-feira (22), na Sala de Crise da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). No caso de Mato Grosso, ocorrerá a votação em segundo turno apenas para presidente.

 

Em apoio à Polícia Federal (PF) e Exército Brasileiro, a Sesp-MT empregará pouco mais de 3.600 servidores em todas as regiões do estado, sendo 2.103 da Polícia Militar (PM-MT); 1.122 da Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), 306 do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) e 80 da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). Além disso, será mantido o efetivo habitual das forças de segurança, inclusive com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). (mais…)

23
10

Vingança não!

Questionado se o governador Pedro Taques (PSDB) não poderia estar agindo por “vingança” quando anunciou que não renovaria do Fethab 2, que garante aos cofres de Mato Grosso R$ 450 milhões ao ano, o governador eleito Mauro Mendes (DEM) disse que prefere não acreditar nesta hipótese. No entanto, o democrata ressaltou que extinguir essa fonte de recurso é colocar Mato Grosso numa situação financeira ainda mais delicada. (mais…)

23
08

MP Eleitoral contestou o número recorde de 68 candidaturas

URNA

Divulgação

Por HiperNotícias

Sessenta e oito candidaturas aos cargos de deputados federal e estadual, e suplente de Senador, foram impugnadas pelo Ministério Público Eleitoral, por meio da Procuradoria da República Eleitoral em Mato Grosso. O número é recorde se comparado com os dois pleitos anteriores. Em 2014 foram 41 impugnações e em 2010, o número de ações de contestações chegou a 32.

As últimas contestações protocoladas junto a Justiça Eleitoral totalizaram 18 ações, sendo uma de suplente a Senado, quatro a deputado federal e 13 para deputado estadual. Destes, sete foram impugnados por ausência de escolha em convenção, sete por ausência de desincompatibilização, e quatro por ausência de quitação eleitoral, ou seja, não pagou a multa por propaganda eleitoral irregular em pleito anterior, como é o caso do vereador por Cuiabá, Mário Antônio Moyses Nadaf.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI

Publicicade

Publicicade