Arquivo da Tag: "Luiz Henrique Mandetta"
10
07

Readequações no Hospital Estadual Santa Casa serão finalizadas em julho

Os trabalhos de readequação e reforma predial do Hospital Estadual Santa Casa, em Cuiabá, chegaram a sua fase final. No dia 18 de julho, serão encerrados os procedimentos estruturais e a unidade, a partir de então, poderá ser inaugurada para oferecer os atendimentos de saúde à população. As informações foram confirmadas pelo secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, que acompanha diariamente o processo.

 

“As intervenções necessárias e as providências legais para colocar em funcionamento o hospital com 242 leitos, e que tem na sua vocação a alta complexidade em Saúde, serão finalizadas até o dia 18 deste mês”, afirmou Gilberto.

(mais…)

30
05

Ministro confirma repasse de R$ 10 milhões para o Hospital Estadual Santa Casa

O governador Mauro Mendes (DEM) que esteve nesta quarta-feira (29) em Brasília, recebeu a confirmação do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que será repassado para o Hospital Estadual Santa Casa, antiga Santa Casa de Cuiabá, o valor de R$ 10 milhões, a título de contribuição para o custeio da unidade. O valor será destinado para o custeio do Teto Mac, que é referente aos procedimentos de média e alta complexidade ambulatorial e hospitalar.

 

“O valor vai ajudar e muito no processo de reabertura da unidade, que deverá acontecer até o final do mês de junho”, destacou o governador. (mais…)

26
04

Ministério da Saúde planeja mudar o Revalida

Por Estadão Conteúdo

 

O Ministério da Saúde quer mudar o Revalida, a prova para validar o diploma de médico obtido no exterior. Diante dos cerca de 120 mil profissionais formados fora do País interessados em trabalhar em clínicas e hospitais brasileiros, o ministro Luiz Henrique Mandetta sugere a alteração da lógica do exame e, ainda a participação de faculdades particulares no processo, destaca o jornal O Estado de S. Paulo.

 

Atualmente, a validação começa pela análise da documentação que comprova a formação do profissional. Isso é feito em universidades públicas credenciadas. Ultrapassada essa fase, médicos fazem uma prova, organizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Mandetta sugere a inversão da ordem. Primeiramente, haveria a prova e a análise de documentos seria feita somente para aprovados. “Isso daria agilidade ao processo”, afirmou.

(mais…)

22
04

Ministro da Saúde lança 17ª Semana de Vacinação das Américas em Cuiabá

ReproduçãoOs profissionais das forças de segurança e salvamento, que totalizam cerca de 900 mil pessoas, a partir deste ano, passam a fazer parte do público-prioritário da Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. Esses profissionais, assim como os demais já contemplados na campanha, são expostos em atividades de risco em locais de aglomerações, um dos principais fatores de propagação do vírus da influenza. Para garantir essa ampliação, o Ministério da Saúde está adquirindo mais um milhão de doses da vacina, além das já previstas, com o Instituto Butantan, responsável pela produção do imunobiológico.

 

Além de anunciar a ampliação do público-alvo, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, lançou, nesta segunda-feira (22), durante a abertura da 17ª Semana de Vacinação nas Américas, em Cuiabá, a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. A partir de agora até o dia 31 de maio, todos os públicos-prioritários podem procurar os postos de saúde para se vacinar. Na primeira fase da campanha, de 10 a 18 de abril, só estavam sendo vacinadas crianças e gestantes. (mais…)

22
04

Ministério da Saúde garante R$ 48,9 milhões para Novo Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá

Durante a inauguração da segunda etapa do Hospital Municipal Leony Palma de Carvalho (novo Pronto Socorro de Cuiabá), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou a liberação de R$ 48,9 milhões para a unidade de saúde, o que dá tranquilidade quanto ao custeio do serviço prestado. O repasse se dá por meio do Teto de Média e Alta Complexidade de Mato Grosso e da capital. Em 2018, o novo Pronto Socorro recebeu do Ministério R$ 69,9 milhões para aquisição de equipamentos.

 

Os recursos do Teto são utilizados para financiar procedimentos e como incentivo permanente para custeio das ações de alta e média complexidade, como consultas, exames, diagnósticos, tratamentos clínicos e cirúrgicos, reabilitações, acompanhamento pré e pós operatório, entre outros. Somente em 2018, Cuiabá recebeu do Ministério da Saúde R$ 170, 6 milhões referente ao Teto. Já Mato Grosso teve acesso a FR$ 458,9 milhões. (mais…)

27
03

Ministro da Saúde quer legalizar situação de médicos cubanos no Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse na manhã desta quarta-feira (27) durante audiência na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, que sua pasta pretende legalizar a situação dos cerca de 2 mil médicos cubanos que ficaram no Brasil após Cuba abandonar o programa Mais Médicos, em novembro do ano passado. A medida, explicou, faz parte de uma proposta que deve ser enviada ainda em abril para o Congresso e que pretende alterar a legislação sobre o programa.

 

O Mais Médicos foi criado em 2013 na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff e contava com uma parceria entre o governo brasileiro e o cubano, que mandava profissionais para o interior do Brasil.

(mais…)

Publicicade

Publicicade