Arquivo da Tag: "INADIMPLÊNCIA"
28
06

Inadimplência de empresas cresce com a greve

Por Estadão Conteúdo

 

Após quatro meses de estabilidade, o número de empresas com pagamentos em atraso voltou a acelerar em maio, influenciado pela greve dos caminhoneiros que paralisou o País por mais de dez dias.

 

Greve dos caminhoneiros afetou pagamentos

No mês passado, 5,5 milhões de companhias estavam na lista de inadimplentes, aponta a Serasa Experian, empresa especializada em informações financeiras. Esse é o maior número de empresas com pagamentos atrasados desde março de 2016, quando o levantamento começou a ser feito.

 

De janeiro a abril, 5,4 milhões de empresas mensalmente tinham dívidas em atraso. Em maio, mais 100 mil companhias engrossaram essa lista. Em comparação com o mesmo mês de 2017 houve um acréscimo de 400 mil empresas, um aumento de 7,8%. As dívidas com pagamento atrasado também cresceram 4,3% na comparação anual e atingiram R$ 124,3 bilhões. (mais…)

20
02

Justiça atende pedido da AMM e determina exclusão de municípios da inadimplência

A justiça federal determinou que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação  (FNDE) receba dos municípios mato-grossenses os relatórios do Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (Siope), sistema eletrônico operacionalizado pelo órgão. As prefeituras estavam impedidas de enviar os documentos desde o final de janeiro, situação que já havia inserido 90 cidades do estado na lista de inadimplência do governo federal, com consequente suspensão de repasse de recursos da União. A decisão foi assinada pelo juiz federal da 3ª Vara de Mato Grosso, Cesar Augusto Bearsi, que deferiu o pedido de liminar em mandado de segurança impetrado pela Associação Mato-grossense dos Municípios(AMM).

 

As prefeituras não conseguiram enviar o relatório ao FNDE porque começaram 2018 com mais de 5% do valor do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) em conta bancária, o que é proibido pela legislação. O montante repassado pelo Governo do Estado no dia 27 de dezembro de 2017, quase no encerramento do exercício, foi de R$ 234 milhões, quatro vezes maior em relação à média das transferências efetuadas nos meses anteriores. Desta forma, os municípios não tiveram tempo hábil de aplicar o grande volume de recurso transferido no último mês do ano. (mais…)

12
02

‘Farra’ do crédito de veículos gera rombo de R$ 23 bi para bancos

Por Estadão Conteúdo

 

O custo da festa do crédito fácil para veículos do começo da década foi alto para as instituições financeiras. Dados inéditos do Banco Central mostram que o setor teve problemas para receber R$ 38,1 bilhões em financiamentos concedidos em 2010 e 2011, quando era possível comprar um carro zero, sem entrada, parcelado em até cem vezes. Bancos já desistiram de cobrar R$ 22,  bilhões e reconheceram o valor como prejuízo, mas o setor ainda trabalha para receber outros R$ 15,3 bilhões emprestados naquela época.

 

Após o estouro da crise financeira global em 2008, o governo reagiu para tentar amenizar a maré negativa do exterior. Queda de impostos, redução de juros e liberação de dinheiro aos bancos fizeram parte da receita que permitiu ao País passar os primeiros anos da crise com poucos arranhões. Enquanto o mundo colhia cacos, o Brasil dava sinais de vigor e o setor de veículos virou símbolo do Brasil que consumia cada vez mais. (mais…)

11
07

Número de inadimplentes aumenta e chega a 59,8 milhões no primeiro semestre

1Por Marli MoreiraAgência Brasil

A inadimplência aumentou 0,84%, de janeiro a junho deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado, ao passar de 59,1 milhões de pessoas para 59,8 milhões. Apesar da alta, houve queda no ritmo de inadimplência, pois no primeiro semestre de 2016, o total de nomes na lista de devedores era 3,21% maior do que no mesmo período de 2015.

(mais…)

15
06

Inadimplência em maio é a mais alta do ano

1Por Marli Moreira

Agência Brasil  

As dívidas de consumidores em atraso por mais de 90 dias foi a mais alta do ano em maio superaram em 4,8% às registradas no mês anterior, quando a inadimplência teve alta de 1,8%. A taxa mais elevada desde o começo do ano até então tinha sido a de janeiro com variação de 4,1%. No mês seguinte, em fevereiro, o índice caiu em 0,9% e voltou a subir em março com taxa de 0,2%. (mais…)

03
04

Blog do Mauro na Gazeta

 

Conceito

 

Bom pagador é aquele que a tempo e a hora cumpre com as obrigações com seus credores. Definitivamente este não é o caso do Estado de Mato Grosso, sobretudo nos últimos cinco anos.

 

Equívoco

 

Ao anunciar o pagamento de dívidas inscritas em restos a pagar, da ordem de R$ 700 milhões, o governo Pedro Taques (PDT) exagerou na dose. Tratou o assunto como se fosse uma liberalidade e não uma obrigação do Governo.

 

Deboche

 

O programa de quitação desse passivo foi denominado de ‘Bom pagador‘. Não poderia ter sido pior, pois soou quase como um deboche com fornecedores e prestadores de serviço que sofreram com a inadimplência e os constantes atrasos do governo Silval Barbosa (PMDB) e tiveram que suportar a moratória de 90 dias decretada pelo atual governo.

 

Novação…

 

E como nada é tão ruim que não possa piorar, o Governo pretende impor uma ‘novação‘ aos credores do Estado. Isto é, quer que os credores, mediante quitação da dívida existente, aceitem um crédito novo, inferior àquele devido (com descontos de até 50%) e ainda parcelado em até 42 vezes.

 

…ou precatórios

 

Obviamente que os credores que não aceitarem as condições impostas pelo governo para receberem seus créditos têm a alternativa de recorrer à Justiça e entrarem na fila dos precatórios. A faca no pescoço é a conta dos desvarios com o dinheiro público, que levaram o Estado a uma situação de quase insolvência.

 

69

 

Não bastasse a fragilidade do caixa do Estado, o governo precisa conviver com situações explosivas, como é o caso das ‘emendas impositivas‘ previstas pela Emenda Constitucional 69, que obriga o Estado a aplicar 1% da Receita Corrente Líquida (RCL), algo em torno de R$ 100 milhões, no pagamento de emendas parlamentares.

 

Virgínia

 

Sob a coordenação voluntária da primeira-dama Virgínia Mendes, a Prefeitura de Cuiabá entrega na próxima segunda-feira, 6, a Casa da Criança Cuiabana, uma unidade de acolhimento de crianças de zero a 12 anos em situação de risco ou que tiveram seus direitos violados, foram vítimas de abandono, maus-tratos de ordem física ou psicológica.

 

13
01

Brasileiro teve mais dificuldade em saldar dívidas em 2014

1Por Marli Moreira

Agência Brasil 

Depois de uma queda de 2%, em 2013, o país voltou a registrar crescimento na inadimplência ao longo do ano passado. As contas com pagamento em atraso há mais de três meses aumentaram 6,3%, segundo o Indicador Serasa Experian de Inadimplência do Consumidor. Esse quadro se iguala à condição de 2010, mas em um cenário melhor do que em 2011, em que houve expansão de 21,5% e, em 2015, quando avançou 15%. (mais…)

13
01

Inadimplência do consumidor cresceu 2,3% em 2014

1A taxa de inadimplência dos consumidores brasileiros subiu 2,3% em 2014 na comparação com 2013, quando houve recuo de 0,3%, segundo a Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). O resultado veio em linha com a projeção da instituição. 

Já no comércio varejista, houve recuo de 10,5% na mesma base comparativa. Considerando apenas o mês de dezembro, a taxa recuou 0,2% na comparação com o mesmo mês de 2013, mas avançou 1 4% em relação a novembro, na série com ajuste. (mais…)

Publicicade

Publicicade