Arquivo da Tag: "IBOVESPA"
13
08

Vitória do kirchnerismo leva pânico ao mercado argentino e afeta o Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

A derrota do presidente Mauricio Macri nas eleições primárias, realizadas no domingo na Argentina, provocou pânico no mercado financeiro do país, com efeitos negativos também para o Brasil. O dólar disparou e levou o Banco Central da Argentina a aumentar a taxa de juros em dez pontos porcentuais, para 74%. Com a medida, o dólar recuou, mas ainda encerrou com alta de 8,8%, valendo 52,1 pesos. O índice Merval, o principal da Bolsa de Buenos Aires, caiu 37,9%. (mais…)

17
03

Dólar comercial está em queda e bolsa inicia operações em alta

1Agência Brasil

O dólar comercial opera em queda na manhã de hoje (17) em meio à turbulência no cenário político, provocada pela divulgação de escutas telefônicas com conversas entre Lula e a presidenta Dilma Rousseff. Às 10 horas, a moeda norte-americana estava cotada a R$ 3,662, um recuo de 2,05%. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo abriu em alta e há pouco estava com 1,93%, com 48.684 pontos.

(mais…)

03
12

Um dia após anúncio do processo de impeachment, Ibovespa sobe e dólar cai

1Por Kelly Oliveira

Agência Brasil

O Ibovespa, índice da Bolsa de Valores de São Paulo, sobe, enquanto o dólar cai, um dia após o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciar que tinha aceitado pedido de abertura de processo de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff. Por volta das 15h, o Ibovespa subia 4,03%, com 46.725 pontos. O dólar comercial estava sendo vendido a R$ 3,7809. Também ontem o Congresso Nacional aprovou projeto que muda a meta fiscal do governo para este ano.

(mais…)

26
11

Bolsa sobe, mas ações do BTG Pactual voltam a cair após prisão de André Esteves

1Por Wellton Máximo

Agência Brasil 

No dia seguinte à prisão do senador Delcídio Amaral (PT-MS) e do diretor-executivo do banco de investimentos BTG Pactual, André Esteves, a bolsa reverteu parte da queda e subiu. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, encerrou esta quinta-feira (26) com alta de 0,6%, aos 47.145,63 pontos. Ontem (25), o indicador tinha caído 2,94%.

(mais…)

23
10

Leme: mercado já antecipou em parte números da pesquisa

Os mercados financeiros devem abrir em baixa no pregão de sexta-feira, 24, reagindo aos números das pesquisas eleitorais do Ibope e do Datafolha divulgados nesta quinta-feira, 23, afirmou João Pedro Brugger, economista da Leme Investimentos. “Os números confirmam o que o mercado em parte já antecipou durante o fim do pregão. Já havia esse rumor. Mesmo assim, sempre há uma esperança de que os números podem vir um pouco melhor do que os rumores”, afirmou. (mais…)

21
07

Alta de bancos e estatais impulsiona nova valorização do Ibovespa

2SÃO PAULO, SP – Depois de ter iniciado o dia com cautela, a Bolsa de São Paulo encerrou o pregão desta segunda-feira (21) com nova alta, de 1,09%, com o Ibovespa indo para 57.633 pontos, puxado principalmente por estatais e bancos.

Na sexta-feira, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, havia ficado em 57.012 pontos, maior desde 14 de março do ano passado. O nível em pontuação do encerramento desta segunda-feira é o maior desde 12 de março.  (mais…)

16
07

Prejudicada por bancos, Bolsa cai e interrompe sequência de ganhos

SÃO PAULO, SP – Depois de uma sequência de quatro altas, o principal índice da Bolsa brasileira fechou esta quarta-feira (16) em queda de 0,46%, para 55.717 pontos. O volume financeiro movimentado foi de R$ 6,721 bilhões -acima da média diária do mês de julho, de R$ 4,819 bilhões.

O Ibovespa foi prejudicado pelo desempenho negativo de Itaú Unibanco e Bradesco, que viram suas ações caírem após o Morgan Stanley ter cortado sua recomendação a esses papéis.  (mais…)

25
06

Bolsa fecha em queda de mais de 1% puxada por Petrobras e bancos

SÃO PAULO, SP, E RIO DE JANEIRO, RJ – A forte queda dos bancos e da Petrobras guiou o principal índice da Bolsa brasileira a uma baixa de mais de 1% nesta quarta-feira (25). O Ibovespa perdeu 1,58%, para 53.425 pontos. É a maior desvalorização diária desde 30 de maio, quando cedeu 1,91%. (mais…)

Publicicade

Publicicade