Arquivo da Tag: "GREVE DOS PROFESSORES"
15
03

MT: Professores paralisam atividades nesta quarta e não descartam nova greve a partir de segunda

1Por Camilla Zeni

Os profissionais da educação em Mato Grosso, que irão paralisar as atividades nesta quarta-feira (15), não descartam a possibilidade de haver uma nova greve de professores já a partir da próxima semana. A pausa nas atividades na data de hoje é uma luta nacional contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 287/2016, da Reforma da Previdência, proposta pelo presidente Michel Temer (PMDB), que altera a idade mínima de aposentadoria.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

03
08

MT: Estudantes pedem fim da greve dos professores

1Por Patrícia Helena Dorileo

Estudantes da rede estadual de ensino reivindicam o fim da greve dos professores, que chegou a 65 dias, e a volta às aulas. Para que a voz seja mais forte e chame atenção dos envolvidos neste embate e da sociedade, os secundaristas protestam em frente a Escola Estadual Pascoal Moreira Cabral, localizada no bairro Jardim Universitário, em Cuiabá.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

24
03

Docentes da UFMT ameaçam entrar em greve

logo

Por Nayana Bricat

Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) realizam uma assembleia geral nesta quarta-feira (26) para discutir um indicativo de greve. A reunião ocorre às 14h no auditório da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso (Adufmat). Os professores podem aderir a greve que já é realizada pelos servidores da universidade. No último dia 18 os docentes aprovaram a paralisação proposta pela Associação Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes/ES) para o dia 19.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

06
11

MT: Greve dos professores de Várzea Grande chega ao fim

logo

A greve dos professores de Várzea Grande chegou ao fim. Em assembleia realizada na manhã desta quarta-feira (06), o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), deliberou que os professores  retomam suas atividades a partir desta quinta-feira (07). Segundo o presidente do Sindicato, Gilmar Soares a greve encerrou, porém os acordos discutidos em reunião na terça-feira (05), com o prefeito Wallace Guimarães (PMDB) e o secretário de Educação, Jonas da Silva não ficaram claros na documentação e o ano letivo de 2014, pode iniciar com uma nova greve. A reportagem é de Lis Ramalho.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

29
10

MT: Mais 2 cidades enfretam greve dos professores municipais nesta semana

b04d97a5175c3c26ef62835765189d14

Mais 2 municípios mato-grossenses enfrentam greve dos professores da rede municipal de ensino nesta semana. Em Guarantã do Norte (715 km ao norte da Capital) os trabalhadores iniciam greve por tempo indeterminado a partir de quarta-feira (30) enquanto a categoria de educadores de Nova Monte Verde (968 km ao norte da Capital) deliberaram o início de greve por tempo indeterminado a partir de sexta-feira (1º). Várzea Grande está em greve há 1 semana, pois os profissionais do município cruzaram os braços no dia 22 deste mês. A reportagem é de Welington Sabino.

 

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

17
10

MT: Professores decidem sobre greve nesta quinta-feira

41ecc10b8b9abab199c755d53d40ef51

Trabalhadores da rede estadual de ensino realizam assembleia na tarde desta quinta-feira (17) e discutem a nova proposta apresentada pelo governo do Estado, em reunião na última terça-feira (15), intermediada pelo Ministério Público Estadual (MPE).

Caso aceitem a proposta de ganho real de 5% no salário, antecipada para março do ano que vem, ao contrário da rejeitada pela categoria, de reajuste apenas em maio, e pagamento de 40% da hora-atividade aos professores interinos também em 2014, os grevista voltam às funções. A reportagem é de Izabel Barrizon.

 

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

14
10

MT: Professores invadem prédio da Secopa

0acb8e874ee963ea93d54bf7aac6d04e

Trabalhadores da rede estadual de ensino, em greve há mais de 60 dias, protestaram na Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo (Secopa), em Cuiabá na manhã desta segunda-feira (14).

Mais de 100 profissionais munidos com tambores, apitos e mega-fones compareceram ao local, no bairro Goiabeiras, e reivindicaram do governo estadual uma solução para a greve. Uma das reclamações dos manifestantes são os gastos com a realização da Copa em Cuiabá. A reportagem é de Izabel Barrizon.

 

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

13
10

MT: Professores fazem ato público na Secopa nesta 2ª

46333cf11885642bc541c9aa39907e8d

Já fazendo parte da maior greve da história de Mato Grosso, os professores da rede pública de ensino preparam o início de uma nova onde de protestos. A partir desta segunda-feira (14), os trabalhadores irão realizar um ato público em frente à sede da Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo em Mato Grosso (Secopa/MT), no bairro Goiabeiras, em Cuiabá.

O ato foi definido durante a última assembleia da categoria, realizada nesta quinta-feira (10). Segundo o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), o objetivo da manifestação é exigir que a educação seja a prioridade do governo estadual no momento.

A partir de terça-feira (15) o movimento grevista irá acampar na Assembleia Legislativa, onde permanecerá até quinta-feira (17) para acompanhar a tramitação do projeto de lei que a categoria exige que seja encaminhado pelo Executivo. O documento deverá contemplar a proposta para o atendimento das reivindicações dos trabalhadores. A reportagem é de Gláucio Nogueira.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

11
10

MT: Governo apela em nota para que professores retornem às aulas

1f6bab9bcecd6e79c0d8fdc78e7b37b7

O governo do Estado emitiu comunicado oficial sobre a greve dos professores em vigor há mais de 60 dias, nesta sexta-feira (11), após reunião com o Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público (Sintep) e que não chegou a consenso sobre a proposta apresentada pelo governo. Na nota, o governo apela para que os professores retornem às atividades, que deixa mais de 500 alunos sem aulas. O governo também divulgou que 400 escolas já retomaram suas atividades.

A proposta apresentada pelo governo estipula dobrar o salário da classe no período de dez anos, a partir de 2014, com reajuste de 5% acima de inflação. Em assembleia ontem (10), o Sintep reafirmou que permanece em greve e que para isto, o governo deve ajustar dois pontos da proposta, pois, pleiteiam o reajuste já para este ano, e também querem alterar o prazo para pagar a hora-atividade. A reportagem é de Marianna Marimon.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

10
10

MT: Servidores da educação votam pela continuidade da greve

4cec101de541c106a941ab75da40ca55

Sem acordo entre professores e servidores grevistas com o governo do Estado, a paralisação que completa 2 meses neste sábado (12), continua sem previsão de ser suspensa. Até houve um encontro na manhã desta quinta-feira (10) entre representantes do governo e do Sindicato dos Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), mas não houve proposta por parte do governo. A greve já é considerada a maior da história da educação realizada no Estado.

Dessa forma, a categoria votou pela continuidade da greve, durante assembleia-geral realizada na tarde desta quinta-feira. Os membros do Sintep também apresentaram um levantamento que “desmente” o governo quando afirma que 45% das escolas retomaram as aulas porque quase a metade dos 38 mil servidores decidiram voltar às atividades. A reportagem é de Welington Sabino.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

Publicicade

Publicicade