Arquivo da Tag: "FERROVIA"
18
02

Ferrogrão agora sai do papel, diz Silvio Fávero

O deputado estadual Silvio Fávero (PSL) saiu otimista do evento realizado em Sorriso na última sexta-feira (15), no encerramento da safra da soja 2018/2019 e abertura do plantio do milho e que contou com a presença do vice-presidente da República, general Hamilton Mourão que, na ocasião, anunciou que o governo federal também não medirá esforços para tirar do papel a Ferrogrão, que vai viabilizar a exportação de toda a matéria-prima produzida acima do município de Nova Mutum.

 

“Nós vamos solucionar esses problemas e vamos solucioná-los com a ajuda de vocês. Vamos ‘botar’ ordem nessa casa (Mato Grosso) e vocês vão trazer o progresso. É isso que vai acontecer”, disse Mourão, ao se referir as demandas do estado, principalmente o desentrave da ferrovia que deve transportar cerca de 58 milhões de toneladas, volume superior às exportações de grãos do estado, que variam hoje em um pouco mais de 40 milhões de toneladas por ano. (mais…)

04
07

Mato Grosso receberá R$ 4 bi para construção de 383 km de trilhos da Fico

Por Assessoria

 

O Estado de Mato Grosso vai receber R$ 4 bilhões em investimentos para construção de 383 quilômetros da Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico), entre Água Boa (743 km de Cuiabá) e o município de Campinorte (GO). Esta será a primeira ferrovia construída após a nova política adotada pelo Governo Federal para regulação do setor ferroviário.

 

“Com a construção deste segmento, o Governo Federal passará finalmente a priorizar o desenvolvimento de Mato Grosso, Estado de dimensões continentais que ajuda a fortalecer a balança comercial brasileira com a pujante produção do agronegócio”, declarou o governador Pedro Taques (PSDB), que foi um dos principais defensores desta medida. (mais…)

15
08

Planalto anuncia concessões de rodovias e ferrovias que somam R$ 133 bi

Por Mariana Schreiber, Maeli Prado e Kelly Matos
BRASÍLIA, DF (Folhapress) – O governo anunciou hoje um pacote para duplicar 7,5 mil quilômetros de rodovias e construir 10 mil quilômetros de ferrovias, passando ao setor privado concessões estimadas em R$ 133 bilhões ao longo dos próximos 30 anos. Desse total, serão R$ 42 bilhões em concessões de rodovias e R$ 91 bilhões em concessões de ferrovias.
No curto prazo, ou seja, nos próximos cinco anos, as concessões são estimadas em R$ 79,5 bilhões, segundo o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos -R$ 23,5 bilhões no caso de rodovias e R$ 56 bilhões em ferrovias.
A Etav (Empresa de Transporte Ferroviário de Alta Velocidade S. A.), que havia sido criada para gerir o trem bala, foi transformada na EPE (Empresa de Planejamento e Logística), que irá gerir o projeto.
É a primeira etapa do conjunto de ações do governo Dilma Rousseff para tentar reativar a economia brasileira, que neste ano pode crescer menos de 2%. O pacote inclui a concessão de rodovias no Sudeste, Centro-Oeste e no Nordeste, e o ganhador terá que bancar os investimentos de ampliação e renovação das rodovias, além de oferecer a menor tarifa de pedágio. As novas ferrovias também serão construídas e operadas pela iniciativa privada. (mais…)

Publicicade

Publicicade