Arquivo da Tag: "ENTREVISTA"
15
04

“Cuidado, eles querem voltar”, diz Taques sobre grupo de Silval

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O governador Pedro Taques (PSDB) alertou aos eleitores sobre a possibilidade do grupo político do ex-governador Silval Barbosa (sem partido) voltar ao Poder. A declaração foi dada em entrevista ao vereador Abílio Brunini (PSC) em programa jornalístico, “Nazareno News” da Rádio Nazareno FM, na manhã desta quinta-feira (12).

 

“Nós temos aí uma grande uma grande organização criminosa, que infelizmente, estava mandando no Estado de Mato Grosso e cuidado, querem voltar”, afirmou o governador quando discorria sobre os erros do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT), iniciado pelo ex-governador Silval e não concluído até hoje. O modal deveria ter ficado pronto em 2014.

 

“Quando uma coisa começa errada tem um problema grande para você resolver”, completou o governador, acrescentando não ter terminando o VLT ainda por querer fazer “a coisa certa”. Ainda segundo Pedro Taques, o governo Silval cometeu inúmeras responsabilidades e “quem casa com a viúva [assume o Estado], tem de cuidar dos filhos [das obras do VLT]”.

 

(mais…)

21
03

Eliana Calmon: foro privilegiado para autoridades deve passar por revisão geral

A jornalista Roseann Kennedy entrevista a juíza Eliana Calmon - TV Brasil/DivulgaçãoTV Brasil/Divulgação

A jornalista Roseann Kennedy entrevista a juíza Eliana Calmon – TV Brasil/DivulgaçãoTV Brasil/Divulgação

Agência Brasil

A juíza aposentada Eliana Calmon disse, nessa segunda-feira (20), em entrevista ao programa Conversa com Roseann Kennedy, da TV Brasil, que as regras de foro privilegiado para autoridades devem passar por uma revisão geral. A ex-ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ex-corregedora Nacional de Justiça criticou a proximidade de juízes com a política e considerou a Operação Lava Jato um “divisor de águas” para o país.

(mais…)

08
10

Meirelles diz à CNN que Brasil superará recessão no início de 2017

Brazil's Finance Minister Henrique Meirelles attends an economics and politics forum in Sao Paulo, Brazil, September 30, 2016. REUTERS/Paulo Whitaker

Brazil’s Finance Minister Henrique Meirelles attends an economics and politics forum in Sao Paulo, Brazil, September 30, 2016. REUTERS/Paulo Whitaker

São Paulo, 08 (AE) – O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, concedeu entrevista ao jornalista Richard Quest, da rede de televisão CNN, durante sua passagem pelos Estados Unidos. Na conversa, Meirelles disse que o Brasil irá superar a recessão “no início do próximo ano”. Ele também defendeu a necessidade de um ajuste fiscal.

“Nós temos a pior recessão desde os anos 1930. No Brasil, há um nível muito alto de desemprego, mais de 10% de desemprego, e os resultados para a economia, para as empresas, os consumidores, são muito sérios. O crédito está sofrendo, os bancos estão sofrendo”, descreveu Meirelles no início da entrevista. Porém, segundo ele, o País superará a recessão no começo de 2017.

(mais…)

22
07

‘Se houve caixa 2, não foi com meu conhecimento’ afirma Dilma em entrevista

1A presidente afastada da República, Dilma Rousseff, afirmou em entrevista à Rádio Jornal, de Pernambuco, que não autorizou pagamento de caixa 2 a ninguém durante sua campanha. “Na minha campanha eu procurei sempre pagar valor que achava que devia. Se houve pagamento (de caixa 2), não foi com meu conhecimento”, comentou Dilma na manhã desta sexta-feira, 22.

O publicitário João Santana e sua mulher e sócia, Mônica Moura, alegaram nesta quinta-feira que US$ 4,5 milhões recebidos em uma conta na Suíça tiveram como origem caixa 2 da campanha de Dilma em 2010. O casal foi interrogado em Curitiba pelo juiz Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância.

(mais…)

06
07

Blog do Mauro na Gazeta

 

 

Entrevista

 

O governador Pedro Taques (PSDB) se reuniu ontem com jornalistas do Grupo Gazeta por cerca de 4 horas. A entrevista, concedida às editorias de Política, Economia, Cidades, Gazeta Digital e Blog do Mauro, será publicada ao longo desta semana por A Gazeta e veiculada na CBN Cuiabá e no portal Gazeta Digital.

 

Macroeconomia

 

Taques demonstrou domínio sobre os temas relacionados às ações de seu governo nas mais diversas áreas. Fez de memória um balanço detalhado das políticas macroeconômicas, caso das ações voltadas à busca de investimentos e parceiros internacionais.

 

Incentivos

 

Falou dos programas de estímulo ao desenvolvimento, dos incentivos fiscais, da reforma tributária e da reforma administrativa – com foco no ajuste fiscal – que será encaminhada ao Legislativo no segundo semestre, conforme antecipado aqui nesta coluna.

 

Obras da Copa

 

Detalhou a situação de cada uma das obras da Copa e fez revelações relevantes, como mostra a manchete de hoje de A Gazeta.

 

Eleição na AL

 

Apesar de estar há apenas seis anos atuando no campo político, Pedro Taques se mostra seguro na condução das articulações políticas, como no caso da eleição da Mesa Diretora da AL. E tem posições curiosas – que fogem à lógica tradicional – sobre o processo eleitoral.

 

Aliados

 

O governador não se mostra incomodado com o fato de que partidos aliados como o PSD, do vice-governador Carlos Fávaro, e do PSB, do prefeito Mauro Mendes, estejam melhor articulados para eleger mais prefeitos e vereadores do que o PSDB.

 

Suprapartidário

 

Para Taques não é exatamente relevante o desempenho eleitoral do PSDB nas eleições municipais. Importante é que a maioria dos eleitos faça parte da base governista. O governador tem uma posição ‘suprapartidária‘ em matéria eleitoral.

 

Sem influência

 

Taques disse, durante a entrevista, que não vê relação determinante entre a eleição municipal deste ano e a eleição geral de 2018. Prefeitos e vereadores eleitos agora não exercerão influência decisiva nas eleições para deputados e governador.

 

Carlos, o leal

 

Questionado sobre a possibilidade do PSD lançar candidatura própria em 2018 em detrimento de um eventual projeto de reeleição do PSDB, Taques diz que confia na ‘lealdade de Carlos Fávaro‘.

 

Base firme

 

O presidente da Assembleia, deputado Guilherme Maluf, fez uma avaliação positiva do desempenho dos parlamentares na votação da RGA. Segundo Maluf, ‘a base (governista) foi muito firme, coerente, e garantiu ao Executivo a maioria na votação da RGA‘. O presidente da AL defendeu até mesmo os parlamentares governistas que votaram contra o projeto do Governo.

 

Base gelatinosa

 

O governador Pedro Taques, que diante do resultado da votação (13 a 9) classificou os governistas de ‘base gelatinosa‘, ontem foi mais complacente. Disse, por exemplo, que não deixará de ser amigo do deputado Leonardo Albuquerque (PDT), que na condição de vice-líder do Governo votou contra o projeto.

 

Ex-vice-líder

 

‘Não posso obrigar ninguém a ser vice-líder‘, disse o governador, sinalizando que vai buscar outro parlamentar para assumir a função na Assembleia. Leonardo declarou que já pediu pra sair. Taques disse que ainda não recebeu o pedido.

 

 

29
06

Dilma diz que Cunha é ameaça ‘integral’ a Temer e elogia soltura de ex-ministro

Suspended Brazilian President Dilma Rousseff attends a news conference with foreign media in BrasiliaA presidente afastada Dilma Rousseff criticou o encontro entre o presidente em exercício, Michel Temer, e o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha, e disse que Cunha representa uma ameaça “integral” e “em todos os sentidos” ao governo interino. “Domingo passado o senhor Eduardo Cunha foi visitar o senhor presidente interino e provisório no Jaburu, não trataram de futebol certamente, agora trataram de questões que dizem respeito à governabilidade do País”, disse, em entrevista ao Jornal do SBT. Interlocutores de Temer confirmam o encontro e dizem que Cunha foi ao Jaburu sem avisar, já o presidente afastado da Câmara nega que tenha estado com Temer. 
(mais…)

05
05

“Não contem com renúncia”, diz Dilma a BBC

1Agência Brasil*

Em entrevista ao canal de notícias britânico BBC, a presidenta Dilma Rousseff voltou a afirmar que está sofrendo um golpe. “O que acontece num golpe parlamentar? Na prática, geralmente, [são feitos por] aqueles que não têm votos suficientes e, portanto, legitimidade suficiente, nem aprovação, nem popularidade suficientes”, disse.

(mais…)

10
11

MT: Pacto federativo é conversa fiada, diz Taques

1Por Gláucio Nogueira

A Gazeta

O papel de Mato Grosso no cenário nacional foi o principal eixo da entrevista concedida pelo governador Pedro Taques (PSDB) a jornalistas do programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira (9). Durante 90 minutos ele respondeu a perguntas sobre aspectos políticos e econômicos e fez críticas ao atual modelo do pacto federativo, classificado pelo tucano como “conversa fiada”. Ao falar de política nacional, Taques defendeu a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), que para ele seria um “instrumento de dignidade”, e cobrou de seu partido um papel mais incisivo como principal sigla de oposição à gestão da petista.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

27
12

“Se disserem que é raio, gargalhem”, diz Dilma sobre apagões

Por Valdo Cruz e Fernanda Odilla

BRASÍLIA, DF (Folhapress) – Nem raios nem falta de investimento. Para a presidente Dilma Rousseff, os apagões que têm deixado diferentes Estados às escuras por horas são resultado de “falha humana”. Ela admite ainda que, apesar dos investimentos em produção e transmissão, houve uma redução nos gastos com manutenção.

“O dia em que falarem para vocês que é raio, gargalhem. Cai raio todo dia nesse país. Raio não pode desligar o sistema, se desligou é falha humana”, disse a presidente na manhã de hoje durante café da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto. (mais…)

Publicicade

Publicicade