Arquivo da Tag: "DÓLAR"
13
08

Vitória do kirchnerismo leva pânico ao mercado argentino e afeta o Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

A derrota do presidente Mauricio Macri nas eleições primárias, realizadas no domingo na Argentina, provocou pânico no mercado financeiro do país, com efeitos negativos também para o Brasil. O dólar disparou e levou o Banco Central da Argentina a aumentar a taxa de juros em dez pontos porcentuais, para 74%. Com a medida, o dólar recuou, mas ainda encerrou com alta de 8,8%, valendo 52,1 pesos. O índice Merval, o principal da Bolsa de Buenos Aires, caiu 37,9%. (mais…)

18
05

Dólar pode bater R$ 3,30 com escândalo envolvendo Temer, diz economista

1O escândalo envolvendo o presidente Michel Temer deve causar um forte estresse no câmbio e o dólar pode bater R$ 3,30, segundo o economista Helcio Takeda, da Pezco. “Esse nível é completamente possível, porém subir mais do que isso em apenas um dia eu acho pouco provável”, comenta. (mais…)

12
02

FMI diz que Trump será bom para economia dos EUA, mas alerta demais países

1A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, disse que o presidente dos EUA, Donald Trump, assumindo o cargo, é provável que seja bom para economia americana no curto prazo, embora o aumento das taxas de juros e o fortalecimento do dólar devam desafiar o comércio global.

(mais…)

09
01

Dólar cai e volta a fechar no menor valor em dois meses

1Por Welton Máximo

Agência Brasil

Em um dia de tranquilidade no mercado financeiro brasileiro, a moeda norte-americana caiu e voltou a fechar no seu valor mais baixo em dois meses. O dólar comercial encerrou esta segunda-feira (9) vendido a R$ 3,197, com queda de R$ 0,025 (-0,78%). A cotação está no menor nível desde 8 de novembro de 2016 (R$ 3,167), dia das eleições norte-americanas.

(mais…)

28
11

Câmbio para fim de 2016 sobe de R$ 3,30 para R$ 3,35, prevê Focus

1O Relatório de Mercado Focus divulgado nesta segunda-feira, 28, pelo Banco Central (BC), mostrou que a cotação da moeda americana estará em R$ 3,35 no encerramento de 2016, ante R$ 3 30 de uma semana antes. Há um mês, estava em R$ 3,20. O câmbio médio de 2016 seguiu em R$ 3,45, ante R$ 3,43 de um mês antes.

Para o fim de 2017, a mediana para o câmbio permaneceu em R$ 3 40 de uma divulgação para a outra, mesmo valor de um mês antes. Já o câmbio médio de 2017 passou de R$ 3,36 para R$ 3,40 – estava em R$ 3,33 um mês atrás. (mais…)

14
11

Euro deve ter novas quedas após Trump

1O rali do dólar perante uma série de outras moedas com a vitória inesperada do republicano Donald Trump nos Estados Unidos deve continuar nos próximos dias e pode levar o euro para suas baixas históricas, perto de US$ 0,8250, segundo o diretor global de estratégias de moedas do banco Brown Brothers Harriman (BBH), Marc Chandler. Segundo ele, indicadores técnicos sinalizam que haverá ainda mais ganho do dólar. (mais…)

09
11

Bolsa cai e dólar sobe no Brasil após eleição de Trump

Dólar está em alta e a bolsa em baixa no Brasil12 15:53:57

Dólar está em alta e a bolsa em baixa no Brasil12 15:53:57

Agência Brasil

O dólar sobe e a bolsa de valores no Brasil cai na manhã de hoje (9), após o anúncio da vitória do empresário Donald Trump na eleição para a presidência dos Estados Unidos. Trump venceu a candidata do Partido Democrata, Hillary Clinton.

Às 9h50 de hoje (9), o dólar estava cotado a R$ 3,2450. Às 10h, o dólar era vendido a R$ 3,2380. O Índice de Valores da Bolsa de São Paulo (Ibovespa) caia 3,24% por volta das 10h20, com 62.079,76 pontos.

(mais…)

08
06

Dólar fecha abaixo de R$ 3,40, no menor nível em 11 meses

1Por Wellton Máximo

Agência Brasil

Em queda pela quarta sessão seguida, o dólar fechou abaixo de R$ 3,40 pela primeira vez em 11 meses. O dólar comercial encerrou a quarta-feira (8) vendido a R$ 3,37, com queda de R$ 0,079 (-2,29%). A moeda norte-americana está na menor cotação desde 29 de julho do ano passado (R$ 3,329).

(mais…)

22
03

‘Não temos patamar de dólar’, diz presidente do Banco Central

1O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, afirmou nesta terça-feira, 22, a parlamentares que não existe patamar para o dólar e que a instituição não usa o câmbio para controlar a inflação. Durante audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senador, ele disse que a força do dólar contra as principais moedas, como vinha se observando, perdeu força. 

“Nós vimos que essa força era muito intensa. Subiu muito em 2015 estabilizou em 2016 e começa a perder um pouco de força agora”, relatou. Na avaliação dele, com as sinalizações do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos EUA) de que a normalização da política monetária será mais suave, as tensões cambiais se arrefeceram.

(mais…)

Publicicade

Publicicade