Arquivo da Tag: "CUIABÁ"
15
01

Cuiabá é a capital com acompanhante de luxo mais cara do Brasil

Levantamento feito pelo site Sweetlicious.net mostra que a capital mato-grossense é a cidade que oferece o serviço de acompanhante de luxo mais caro do país. Conforme a pesquisa, que ouviu 1.306 pessoas por meio do portal, em Cuiabá a contratação deste tipo de profissional do sexo sai a R$ 583.

 

 

Cuiabá supera em valores as capitais São Luis (MA), onde a acompanhante cobra cerca de R$ 410,00; Brasília (DF) e Belém (PA) R$ 400,00;  Porto Alegre (RS) R$ 361,00; Florianópolis (SC) R$ 350,00; Curitiba (PR) R$ 349,00;  Rio de Janeiro (RJ) R$ 345,50; São Paulo (SP) R$ 334,50 e Macapá (AP) R$ 325,00.

 

 

(mais…)

10
01

Cuiabá fica sem prefeito e vice até a próxima semana

Tanto o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), quanto o vice-prefeito, Niuan Ribeiro (PTB) se ausentaram do Palácio Alencastro. Conforme a secretária municipal de Comunicação, Carol Garcia, o prefeito não tirou férias e ficará ausente efetivamente três dias, a contar desta quarta-feira (10). Mesmo fora da cidade, ele continua a responder pelo comando do Executivo municipal. O peemedebista deve retornar à capital já na segunda-feira (15). O destino de ambos não foi informado.

 

Segundo a secretária, Emanuel Pinheiro cumpriu agenda em Brasília na segunda e terça-feira, com vistas a viabilizar projetos para a Cuiabá dos 300 anos. “Como não é viagem internacional e nem mais de 15 dias não houve necessidade do Niuan [Ribeiro] assumir”, explicou a secretária. (mais…)

30
10

MT: Mato Grosso tem oportunidades de estágio com bolsa a partir de R$700

Por CAMILLA ZENI

Estudantes de Mato Grosso devem se atentar às oportunidades: alguns órgãos públicos de Cuiabá e interior estão com inscrições abertas para o processo seletivo de estagiários. As vagas ofertadas são para diversos cursos, dentre os quais Direito, Ciências Contábeis, Administração e até nível médio. As bolsas paga variam entre R$700 e R$880, além do benefício de auxílio-transporte.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

27
10

MT: Com chuvas fortes, teto de UPA e creche desabam e população aguarda soluções

Por CAMILLA ZENI

Com as fortes chuvas que caíram sobre Cuiabá nos últimos dias, partes do teto de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e de uma creche, em Cuiabá, desabaram. Apesar do susto, ninguém se feriu. No entanto, a população ainda aguarda providências.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

23
10

Instituto aponta semana chuvosa e queda de temperatura em todo MT

Por CAMILLA ZENI

O final de semana foi marcado por temporal em diversas cidades de Mato Grosso. Em Cuiabá, a forte chuva de sábado destelhou casas, derrubou muros e árvores. A previsão é de que as precipitações continuam a ocorrer ainda nesta semana, de acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec).

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

20
10

MT: Tribunal de Justiça condena Samsung e loja de eletrônicos a indenizar cliente por celular com defeito

Por CAMILLA ZENI

A gigante do ramo de telefonia, Samsung, foi condenada a indenizar um cliente mato-grossense pela venda de um aparelho defeituoso. O produto foi comprado em uma loja de eletroeletrônicos do município de Alta Floresta (distante cerca de 800 km de Cuiabá), que também foi condenada.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

17
10

MT: Mutirão fiscal permite que contribuintes negociem dívidas com desconto

Por Hipernotícias

Teve início na manhã desta segunda-feira (16 de outubro) e prossegue até o dia 31 de outubro, na Arena Pantanal (portão J), em Cuiabá, uma nova edição do Mutirão Fiscal envolvendo o Poder Judiciário e a Prefeitura da Capital. Além de oferecer descontos nos juros e multas aos contribuintes que possuem débitos junto ao Executivo municipal, como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e o Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), a ação também tem como foco promover a desjudicialização da execução fiscal, uma das metas da Corregedoria-Geral da Justiça de Mato Grosso com o projeto “Efetividade na Execução Fiscal”.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

12
10

Após decisão do STF, AL deve analisar caso Fabris

Por 6 votos a 5, o Supremo Tribunal Federal (STF) considerou necessário o aval do Congresso para o afastamento de deputados e senadores. De olho nessa decisão, deputados estaduais pretendem, por analogia, adotar o mesmo rito em relação ao deputado Gilmar Fabris (PSD), preso e afastado por suposta obstrução à Justiça.

 

 

Aval

No entendimento de diversos parlamentares, que já defendiam que o caso deveria passar por uma votação pelo Legislativo, a decisão da mais alta Corte, em relação ao senador Aécio Neves (PSDB/MG) é um aval para que a Assembleia Legislativa faça o mesmo com Fabris, detido por decisão do ministro do STF, Luiz Fux.

 

 

Amparados

Conforme a Constituição, políticos no exercício do cargo só podem ser presos por crimes inafiançáveis e em flagrante delito. Um caso recente, que mostra a necessidade de requisitos para a detenção dos parlamentares, ocorreu em 2014 com o ex-deputado José Geraldo Riva. Ele foi solto três dias depois de sua prisão, depois que o ministro do STF Dias Toffoli tomou conhecimento que ele exercia o cargo de parlamentar.

 

 

Feriadão

Por conta do feriado prolongado, o tema só deverá ser tratado, mesmo que internamente, no início da próxima semana. Uma saída conservadora seria o envio de nova consulta ao STF, agora tendo por base o mais recente entendimento.

 

 

Infiel

Na próxima semana deverá também ser decidido o futuro do deputado federal Fábio Garcia no PSB. A Executiva Nacional do partido vai discutir o futuro dos processos disciplinares abertos contra ele e outros três deputados federais, que contrariaram orientação da sigla e votaram a favor de mudanças na legislação trabalhista.

 

 

Caixa preta

O vereador Gilberto Figueiredo (PSB) quer acesso ao lotacionograma da Câmara Municipal de Cuiabá. O parlamentar pretende ver onde estavam lotados os 460 servidores exonerados nesta semana pelo presidente da Casa, Justino Malheiros (PV). Se conseguir abrir a caixa preta do Legislativo, Figueiredo prestará um grande serviço à população.

 

 

Excesso

Não é de hoje que a população reclama da quantidade de funcionários contratados pelo Legislativo de Cuiabá. Juntando com os funcionários concursados, o número de servidores da Casa passava de 500 antes dos cortes realizados por Malheiros. O custo mensal com a folha era de R$ 2,5 milhões, incluindo encargos.

 

 

Recurso

Sobre o motivo dos cortes na Câmara, a suspensão da suplementação de R$ 6,7 milhões feita pelo Executivo, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), garantiu que recorrerá para assegurar o repasse. Nesta quarta-feira (11), ele foi mantido no cargo pelo desembargador Márcio Vidal.

 

 

De olho

Ainda sobre o Legislativo da Capital, são muitos os suplentes que já estão fazendo contas para saber se possuem chance de assumirem o mandato caso as recentes decisões cassando parlamentares se confirmem em instância superior.

 

 

Mexida

O desembargador Orlando Perri puniu o coronel Evandro Lesco, ex-chefe da Casa Militar, por uma suposta saída do oficial do local em que estava preso. Agora, ele ficará no alojamento do Batalhão da Rotam, um local com grades, e segundo Perri deverá ficar trancado. Por conta desta mexida, outras duas transferências foram decretadas.

 

12
10

MT: Águas Cuiabá deve corrigir inconsistência de abastecimento e investe R$1,2 bi

1Por CAMILLA ZENI

A Iguá Saneamento, responsável pelos serviços de água e esgoto em Cuiabá, assumiu a concessão no dia 1º de agosto e apresentou a nova diretoria à imprensa nesta terça-feira (10). Conforme os diretores da empresa, a Capital mato-grossense será um dos maiores desafios da empresa, considerando, principalmente, a inconsistência do abastecimento de água.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

04
10

Polícia Civil de Mato Grosso desarticula rede de traficantes da capital

1Por Andreia Verdélio 

Agência Brasil

A Polícia Civil de Mato Grosso deflagrou hoje (4) a Operação Campo Minado contra uma rede de traficantes de drogas em Cuiabá e Várzea Grande. Estão sendo cumpridos 42 mandados de prisão preventiva e 70 buscas e apreensão, nos bairros Pedregal, Renascer e Jardim Leblon, em Cuiabá.

(mais…)

Publicicade

Publicicade