Arquivo da Tag: "CARLOS BEZERRA"
10
07

Botelho e Garcia são os preferidos em pesquisa de intenções de votos

Por Danna Belle

HiperNotícias

 

Fábio Garcia e Eduardo Botelho, ambos do DEM, aparecem liderando as pesquisas espontâneas de intenção de votos para deputado federal com 5,43% e deputado estadual com 3,65%, respectivamente. De acordo com os dados divulgados no domingo (8), pela empresa Segmenta Dados e Pesquisas, apenas um nome citado pelos entrevistados não tem histórico na política. Rafael Ranalli é policial federal é pré candidato a deputado federal. O levantamento aponta que não haverá renovação entre os eleitos em outubro.

 

Conforme o documento, Carlos Bezerra (MDB) foi lembrado por 5,40% das 2.048 pessoas entrevistadas, como candidato à Câmara dos Deputados. Em terceira colocação ficou Valtenir Pereira (MDB) com 5,11%, seguido por Neri Gueller (4,81%), Victório Galli (4,66%), Nilson Leitão (4,43%), Ezequiel Fonseca (4,20%), Leonardo Albuquerque (3,21%), Adilton Sachetti (3,05%) e Procurador Mauro (3,02%).

 

(mais…)

15
02

Bezerra deve receber alta hospitalar nesta sexta-feira

Por Felipe Leonel

Hipernotícias

 

 

A assessoria de imprensa do deputado federal Carlos Bezerra (MDB), 76 anos, afirmou que o parlamentar federal deverá ser encaminhado para um quarto do Hospital Santa Rosa e ficar sob observação até nesta sexta-feira (16). O parlamentar sofreu um mal súbito na noite desta quarta (14) e teve de voltar apressadamente para a unidade hospitalar. O deputado ainda está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

 

 

Ainda de acordo com a assessoria, o parlamentar se recupera bem e deve receber alta em breve. Quando passou mal, Carlos Bezerra saia do Hospital, onde realizava exames. Ao voltar para a unidade, ele fez exames como cateterismo e eletrocardiograma. Segundo a assessoria, ele teve uma insuficiência cardíaca. (mais…)

31
07

MT: Bezerra desqualifica gravação contra Temer e compara presidente a Jesus Cristo

1Por Pablo Rodrigo

O presidente estadual do PMDB em Mato Grosso, deputado federal Carlos Bezerra, justificou o seu voto contrário ao parecer do presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Federal, que pedia abertura de investigação contra o presidente da República, Michel Temer (PMDB). Segundo Bezerra, a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, é “inepta”.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

23
02

Galli, Bezerra e Fagundes serão investigados na “farra das passagens aéreas”

 PESQUISAS 04:10 PolíticaEconomiaCidadesPolíciaBlog do MauroBrasilCuiabanáliaEsportesArtigosJustiçaVariedades Lupa Pedro Taques irá definir a pena a ser aplicada a procurador aposentado acusado de desvios Rogerio Florentino / Olhar Direto CHICO LIMA Pedro Taques irá definir a pena a ser aplicada a procurador aposentado acusado de desvios Galli, Bezerra e Wellington Fagundes são investigados na Reprodução/HiperNoticias MPF Galli, Bezerra e Wellington Fagundes são investigados na "farra das passagens aéreas"

Galli, Bezerra e Wellington Fagundes são investigados. 

HiperNotícias

O Ministério Público Federal (MPF) abriu investigação contra 187 deputados federais e 25 senadores para investigar a utilização de passagens aéreas durante o exercício dos seus mandatos. O benefício faz parte das Cotas para Exercício da Atividade Parlamentar, mais conhecida como “Cotão”.  Entre os investigados aparecem os deputados federais Carlos Bezerra (PMDB), Victório Galli (PSC), além do senador Wellington Fagundes (PR).

LEIA MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

14
02

O Blog no Hipernotícias

reunião

Ao reunir algumas siglas oposicionistas (PTB, PR, PC do B, PDT e PT) e outras nem tanto (PP, PPS e PSC), o PMDB tenta antecipar ao máximo o debate eleitoral. Carlos Bezerra, o eterno cacique peemedebista, animado com a eleição de Emanuel Pinheiro prefeito da Capital, quer impor todo desgaste possível ao governo do tucano Pedro Taques.

 

Oposição rasa

A articulação ocorrida na manhã de ontem se mostrou absolutamente rasa, pois limitada à disputa eleitoral. Tanto que a crítica mais contundente, a de Bezerra, foi a de que o governo Taques padece de despreparo político e “abomina o político”.

 

Candidaturas

Além disso, trataram logo de lançar nomes: o do conselheiro Antônio Joaquim, pelo PMDB; Wellington Fagundes, pelo PR e Neri Geller, pelo PP. A ideia é observar qual deles desponta com alguma densidade eleitoral para o enfrentamento que só vai acontecer em outubro de 2018.

 

PP e o “fracasso”

Surpreendeu, de certa forma, a presença do PP, representado pelo presidente estadual da sigla, deputado Ezequiel Fonseca, queixando-se de que o partido não tem espaço na gestão Taques para, em seguida, afirmar que “o governo é um fracasso”.

 

Disse-não-disse

Já no final da tarde, em entrevista ao Jornal da Capital (Rádio Capital FM 101.9), Fonseca contemporizou. Garantiu que não disse o que disse e que o PP ainda não definiu se vai fazer oposição a Pedro Taques.

 

Meia volta

Explicação simples: Ezequiel gostaria de partir para a oposição e exagerou nas declarações matutinas. À tarde, muito provavelmente alertado, lembrou que o partido está trabalhando para viabilizar a candidatura do senador (e ministro) Blairo Maggi a presidente da República, mas que pode eventualmente aceitar ser vice numa chapa liderada pelo PSDB. Refluiu.

 

Pegou mal

De toda forma ficou claro que o PP de Ezequiel prefere uma aliança com o PMDB de Bezerra, ainda que o partido esteja enlameado pelos escândalos de corrupção, tanto lá quanto aqui. Vide Lava Jato e Silval Barbosa. Seja como for a articulação de Ezequiel pode fragilizar Blairo Maggi.

 

Oposição “desleal”

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB), depois de ser escolhido presidente da Frente Parlamentar da Agricultura (FPA) no Congresso Nacional, classificou a manobra peemedebista como “desleal”, mas procurou minimizar a articulação: “é irrelevante”, disse.

 

No prejuízo

A antecipação da disputa eleitoral não é só prejudicial ao Estado. Pode, também, complicar a gestão peemedebista da Prefeitura da Capital. Embora Taques não vá agir contra os interesses de Cuiabá, Emanuel Pinheiro terá mais dificuldade em capitalizar as ações do governo estadual e certamente será politicamente combatido. Pelo menos mais do que gostaria.

16
12

MT: PMDB admite disputar governo e avalia nome de conselheiro

1Por Fernanda Leite

Líder do PMDB, deputado federal Carlos Bezerra anunciou que o partido vem se preparando para entrar na disputa pelo Governo de Mato Grosso na eleição de 2018. Ele confirmou o interesse do conselheiro e presidente do Tribunal de Justiça, Antônio Joaquim em se filiar ao partido para entrar páreo.

 

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA AQUI.

 

 

31
10

Blog do Mauro na Gazeta

 

No Alencastro

 

A vitória de Emanuel Pinheiro, ontem, coloca o PMDB de Carlos Bezerra  pela primeira vez no comando da prefeitura da Capital desde 1985, quando Dante de Oliveira foi eleito pela legenda para ocupar o Palácio Alencastro.

 

Na oposição

 

Com Emanuel Pinheiro o PMDB vai assumir a Capital na condição de oposição ao governo tucano de Pedro Taques. A escolha do eleitor cuiabano, portanto, colocou o PSDB na oposição em Cuiabá.

 

Só em tese

 

Na Câmara, apenas 11 parlamentares foram eleitos pela aliança que dá sustentação ao governo peemedebista. A maioria dos 25 vereadores, em tese, fará oposição ao prefeito eleito. Apenas em tese.

 

Sem perfil

 

Os tucanos eleitos não têm exatamente um perfil oposicionista. O PSB, embora tenha disputado em aliança com o PSDB dificilmente se manterá na oposição.

 

Experiente

 

Na prática, com a tradicional política do toma-lá-dá-cá, da barganha de cargos e favores que é característica dos parlamentos no Brasil, Pinheiro deverá superar essa dificuldade. E de Parlamento Emanuel Pinheiro tem experiência.

 

Vem crise

 

O prefeito eleito deve ter mais dificuldades, paradoxalmente, com o maior responsável por sua vitória: o funcionalismo público. Os efeitos da crise econômica devem chegar a sua plenitude na prefeitura, agora em 2017. Dificilmente os cofres municipais suportarão os reajustes do próximo ano.

 

Sem diálogo

 

Emanuel Pinheiro vai precisar muito do apoio financeiro do Estado, mas, líder oposicionista, certamente terá dificuldade de encaminhar um diálogo eficiente.

 

Opositor

 

O senador Wellington Fagundes (PR), ao longo de toda a campanha e, principalmente neste segundo turno, esteve ao lado de Emanuel Pinheiro.

 

Opositor?

 

Wellington é, neste momento, o principal nome da oposição (pasmem, Wellington Fagundes na oposição!) para disputar o governo em 2018. Emanuel será seu cabo eleitoral em Cuiabá, já que o senador não tem votos na Capital.

 

Lá vem Bezerra

 

Que ninguém duvide de que Carlos Bezerra já esteja se preparando para disputar a senatória em 2018. E a Prefeitura de Cuiabá, com Emanuel Pinheiro, deverá servir de lastro para a candidatura do cacique.

 

Festa no CCC

 

Notícias do Centro de Custódia de Cuiabá (CCC) dão conta de um domingo festivo nas celas nas quais se encontram presos o ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e alguns de seus ex-auxiliares.

 

 

19
07

Blog do Mauro na Gazeta

Ex-quase

 

Valtenir Pereira – ex-quase candidato a prefeito pelo PMDB – disse neste domingo que vai lutar para manter sua candidatura. Valtenir acha que toda essa celeuma é uma tentativa de levar o partido a apoiar a candidatura à reeleição do prefeito Mauro Mendes (PSB).

 

Erro partidário

 

Deputado federal, Valtenir classifica como ‘um erro absurdo‘ um partido do tamanho do PMDB, ‘que tem o presidente da República‘, não ter candidato próprio em Cuiabá.

 

O eterno

 

O presidente estadual do PMDB, deputado federal Carlos Bezerra, especializado em queimar as candidaturas próprias do partido, passou a defender a candidatura do deputado estadual Emanuel Pinheiro. Pelo menos até ele lançar-se candidato.

 

Sem carimbo

 

Interlocutores do deputado Emanuel Pinheiro dizem que o parlamentar não está disposto a ter que explicar Silval Barbosa (PMDB) e todas as acusações de corrupção que pairam sobre o governo peemedebista. Ele não quer carimbo negativo.

 

Candidatura

 

Ontem, Emanuel Pinheiro agradeceu as manifestações de apoio, mas disse que é ‘candidato a presidente da Assembleia‘.

 

Juíza Selma

 

Falando em corrupção, a juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal de Cuiabá afirmou ao Blog do Antero que ‘mais da metade do Estado vai cair,‘ numa referência às investigações em curso relacionadas a políticos.

 

Nada muda

 

Entra governo e sai governo e o Detran continua campeão em burocracia, ineficiência e desrespeito ao contribuinte. No Detran não há transformação.

 

Descaso

 

As filas sem fim para atendimento e vistorias revelam o descaso, a desfaçatez com que o órgão trata a população.

 

Até quando?

 

E o que é pior: cobra taxas altíssimas pelo pior serviço público prestado em Mato Grosso. Consegue ser pior que a saúde em seus piores momentos. E seus funcionários ainda se acham no direito de fazer greve.

 

Mau exemplo

 

Pegou muito mal para o Ministério Público a denúncia de que o promotor Vinícius Gahyva teria agredido a ex-mulher. O fato foi registrado na Polícia e amplamente divulgado na imprensa.

 

Invasão

 

E falando em MP, a sede dos membros da instituição se transformou num obstáculo às obras de duplicação da MT-241 (Cuiabá/Chapada). Segundo a Sinfra, a entidade invadiu sete metros de área pública e agora atrapalha o andamento das obras. É pra acabar!

 

 

13
07

Blog do Mauro na Gazeta

 

 

Divididos

 

A bancada de Mato Grosso vai hoje à votação para a escolha do novo presidente da Câmara Federal completamente dividida. Carlos Bezerra e Valtenir Pereira devem votar em Marcelo Castro, do Piauí, candidato oficial do PMDB.

 

Baixo clero

 

Rogério Rosso, um ilustre desconhecido do PSD do Distrito Federal e que faz parte do baixo clero dominado pelo ex-presidente da Casa, Eduardo Cunha, deve levar os votos de Ezequiel Fonseca e Vitório Gali. Rosso, aliás, tem boas possibilidades de vencer o pleito.

 

Socialistas e tucano

 

Os deputados Fábio Garcia e Adilton Sachetti estavam fechados com a candidatura do deputado mineiro Júlio Delgado, mas aguardavam uma articulação em curso que poderia levar o PSB a votar com Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Nilson Leitão (PSDB) também passou o dia aguardando a definição e poderá votar em Maia.

 

Caravana

 

O governador tucano Pedro Taques vai a Barra do Bugres no próximo sábado participar da Caravana da Transformação. O projeto é uma espécie de ‘Viva o seu Bairro‘ – ação desenvolvida pelo Grupo Gazeta de Comunicação que leva saúde, cidadania, prestação de serviços públicos e entretenimento aos bairros da Capital.

 

Cirurgias

 

A menina dos olhos da Caravana da Transformação é o atendimento oftalmológico gratuito com mutirão de cirurgias de cataratas. Segundo a assessoria do Governo, cerca de duas mil pessoas já estão inscritas para receber tratamento.

 

Transparência

 

O deputado Gilmar Fabris (PSD) cobrou mais transparência aos trabalhos da CPI da Sonegação e Renúncia Fiscal, quer que todos os documentos estejam disponíveis para consultas tanto de parlamentares quanto de qualquer interessado.

 

CPI do Eraí

 

Esta é uma CPI importante, que investiga os incentivos fiscais concedidos de forma ilegal além de atos graves de sonegação envolvendo empresas e cooperativas, caso da Cooperativa Agroindustrial de Mato Grosso (Cooamat), que seria comandada, de fato, pelo rei da soja Eraí Maggi.

 

Denúncias novas

 

Ontem seria a oitiva de Roberto Bortoncello, um diretor da Cooamat. No entanto, a chegada de novas denúncias envolvendo a cooperativa acabou fazendo com que os parlamentares adiassem o depoimento.

 

Consistentes

 

As novas denúncias foram encaminhadas à CPI pelo deputado Emanuel Pinheiro (PMDB), que as considerou ‘graves e consistentes‘. O parlamentar não quis revelar o teor das denúncias que serão alvos de investigação da Comissão.

 

 

Publicicade

Publicicade