04
09

Vamos fazer de tudo para que ela fique no partido, diz Barbudo sobre Selma

“Será uma grande perda para o PSL e vamos fazer de tudo para que ela fique no partido”, essas foram as palavras do presidente estadual do PSL em Mato Grosso, deputado federal Nelson Barbudo, sobre a possibilidade de saída da senadora Selma Arruda da legenda.  A parlamentar cogita deixar a sigla partidária e já teria praticamente fechado a sua filiação ao Podemos, hoje sob o comando do também deputado federal José Medeiros.

 

Selma Arruda estaria descontente com o tratamento dispensado pelo presidente Jair Bolsonaro a ela. Segundo fontes do Blog do Mauro, Selma se sente preterida por não conseguir agenda com o presidente e também por não emplacar indicações para cargos de confiança. Outra corrente cogita que Selma estaria descontente com a falta de apoio do partido depois que ela teve o mandato cassado por caixa 2 no Tribunal Regional Eleitoral. 

 

“A senadora Selma tem todo o meu respeito e minha gratidão. É uma pessoa que faz parte da minha trajetória política e com quem tive a honra de caminhar durante a campanha. Será uma grande perda para o PSL e vamos fazer de tudo para que ela fique no partido. As questões que a levaram a cogitar esta saída não estão relacionadas com o PSL de Mato Grosso, por aqui sempre esteve tudo bem”, ponderou Barbudo.

 

Caso Selma se decida pelo Podemos, o partido passará a ter uma das maiores bancadas do Senado Federal.

 

 

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade