15
05

TCE barra RGA a servidores públicos

A decisão é do conselheiro Isaías Lopes da Cunha

O Tribunal de Contas do Estado determinou que o Governo de Mato Grosso não conceda a Revisão Geral Anual aos servidores públicos por ter ultrapassado o limite prudencial dos gastos com a folha salarial.

 

A notícia cai como uma bomba em ano eleitoral para o governador Pedro Taques (PSDB), que viu o início do desgaste do seu governo se dar justamente pela discussão travada com o funcionalismo em torno da concessão da RGA.

 

Em meio a crise, o chefe do Executivo não queria conceder o reajuste. Apesar da polêmica e da dificuldade de caixa, Mato Grosso foi um dos únicos estados a manter o pagamento.

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade