17
04

Janaina Riva na presidência da AL

De acordo com a assessoria de imprensa da vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputada estadual Janaina Riva (MDB), o presidente da Casa, Eduardo Botelho (DEM), deve formalizar sua licença do cargo por 121 dias nesta quarta-feira (17), propiciando assim um momento histórico para Mato Grosso. Isso porque será primeira vez que uma mulher chegará ao comando do Legislativo estadual.

 

E essa é uma oportunidade de ouro para Janaina Riva provar que está preparada para ocupar a cadeira em definitivo numa disputa pela Mesa Diretora. Na eleição que resultou na recondução de Botelho ao cargo, Janaina chegou a tentar uma articulação para disputar o cargo de responsável pelo Poder com o auxílio dos deputados novatos, fato que não vingou. Desta maneira, a parlamentar acabou por se unir a Botelho, ficando com a vice-presidência, uma vez que a indicação para a primeira-secretaria ficou com Max Russi (PSB).  

Janaina Riva já deixou claro que nesses 120 dias não descumprirá nenhum entendimento que Botelho tenha feito com o Executivo. Também afirmou que mostrará ao governo que sabe diferenciar seu comportamento político da condição de presidente interina da Casa. Ainda ressaltou que cumprirá todos os prazos regimentais. Botelho pede a licença para “tratamento de saúde”.

Janaina Riva foi a deputada estadual mais votada de Mato Grosso em 2018. Recebeu 51.546 votos e foi a única mulher escolhida para o parlamento estadual. Além disso, a emedebista tornou-se vice-presidente do partido, no início do mês, quando foi escolhida para compor chapa com o presidente reeleito do diretório estadual da legenda, deputado federal Carlos Bezerra.

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade