03
05

Contas do governo estão aptas para votar, diz WS

Por Felipe Leonel

HiperNotícias

 

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Wilson Santos (PSDB), afirmou que as contas do governo estão prontas para votação em plenário do Parlamento Estadual. Alvo de mandado de segurança pelo deputado Zeca Viana (PDT), o texto pela aprovação da prestação de contas da 2016 está “engavetado” no Parlamento há 280 dias.

 

Em sua última decisão, a desembargadora do Tribunal de Justiça (TJMT), Maria Erotides Kneip, pediu esclarecimentos ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM) e ao autor do pedido de liminar, Zeca Viana. Ela negou o pedido liminar para impedir o presidente da Casa de colocar em pauta a matéria.

 

“O deputado Zeca Viana não conseguiu a liminar pretendida. Então, as contas do governo do exercício 2016, que estiveram engavetadas por 288 dias, estão aptas, prontas para votação em plenário. Não há nenhum óbice da Justiça. Até o momento, a Justiça não impediu a apreciação dessa matéria”, afirmou Wilson Santos à reportagem do HiperNotícias.

 

O deputado ainda lembrou que as contas são de 2016. O deputado Zeca Viana, contrário à aprovação das contas, elaborou voto em separado contrário ao relatório. O voto deverá ser apreciado também no plenário da casa em destaque. O parlamentar questionava a reunião extraordinária convocada por Santos em regime de urgência, que resultou na aprovação das contas na Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária.

 

De acordo com Zeca Viana, o parlamentar teria desrespeitado o regimento interno da Casa de Leis ao convocar a extraordinária às 7h30 de uma terça-feira (17 de abril). Além disso, o deputado Silvano Amaral (MDB) pediu vistas à matéria e não tinha a devolvido quando foi aprovada pela comissão. Entretanto, para apreciar a matéria, os parlamentares deverão votar os vetos do governo. Wilson Santos garante que a base está “reorganizada” e terá quórum para realizar as votações.

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade