24
08

Candidato ao Governo do Estado quer transformar vagões do VLT em unidades médicas

Arthur nogueira

Foto/Reprodução

Por Leonardo Heitor

HiperNotícias

 

O ex-superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e candidato ao Governo do Estado pelo REDE, Arthur Nogueira, pretende transformar os vagões comprados para o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em unidades médicas. Ele também afirmou que, se eleito, não terminará a obra.

 

Segundo o policial rodoviário, em entrevista na rádio Jovem Pan, na manhã desta sexta-feira (24), o gasto necessário para a conclusão do VLT, somado com o que já foi utilizado, não compensa o investimento, já que trata-se de apenas 17 quilômetros de via que serão usados no modal.

 

“Não há que se gastar mais um real com VLT. Já foi gasto R$ 1 bilhão e ainda tem mais R$ 1,5 bilhão para ser gasto em um sistema de 17 quilômetros que beneficiará apenas Cuiabá e Várzea Grande, penalizando os outros 139 municípios. Não terminarei o VLT”, afirmou.

 

Para Arthur Nogueira, uma das soluções para o uso dos vagões que já foram comprados é a transformação deles em unidades de saúde e consultórios médicos. Ele afirmou que, caso eleito, se reunirá com o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA-MT) e com o Ministério Público de Mato Grosso (MP-MT) para encontrar soluções para o problema.

 

“Já se gastaram alguns milhões para plantar grama e palmeiras, em Cuiabá. Em Várzea Grande, poderemos construir mais uma pista de cada lado e com os vagões, onde foram gastos R$ 500 milhões, vamos estudar e conversar com órgãos responsáveis como o CREA-MT e o MP-MT para transformá-los, por exemplo, em consultórios médicos”, explicou.

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade