10
07

Botelho e Garcia são os preferidos em pesquisa de intenções de votos

Por Danna Belle

HiperNotícias

 

Fábio Garcia e Eduardo Botelho, ambos do DEM, aparecem liderando as pesquisas espontâneas de intenção de votos para deputado federal com 5,43% e deputado estadual com 3,65%, respectivamente. De acordo com os dados divulgados no domingo (8), pela empresa Segmenta Dados e Pesquisas, apenas um nome citado pelos entrevistados não tem histórico na política. Rafael Ranalli é policial federal é pré candidato a deputado federal. O levantamento aponta que não haverá renovação entre os eleitos em outubro.

 

Conforme o documento, Carlos Bezerra (MDB) foi lembrado por 5,40% das 2.048 pessoas entrevistadas, como candidato à Câmara dos Deputados. Em terceira colocação ficou Valtenir Pereira (MDB) com 5,11%, seguido por Neri Gueller (4,81%), Victório Galli (4,66%), Nilson Leitão (4,43%), Ezequiel Fonseca (4,20%), Leonardo Albuquerque (3,21%), Adilton Sachetti (3,05%) e Procurador Mauro (3,02%).

 

O deputado federal Ságuas de Moraes, apesar de afirmar estar se aposentando da vida política, aparece com 2,74%. Em 12º, aparece Xuxu Dalmolin com 2,73%, seguido por Emanuel Pinheiro (2,62%), Marco Marrafon (1,49%), Rui Prado (1,24%), Serys Slhessarenko (0,83%), Luis Carlos Nigro (0,39%) e Rafael Ranalli (0,35%).

 

A quantidade de entrevistados que informaram outros nomes ou não ter candidato representa 44,29% da pesquisa.

 

Estaduais

 

Nininho (PR) ocupa a segunda colocação com 3,05%, seguido por Janaina Riva (MDB) com 2,88%, Guilherme Maluf (PSDB) com 2,84%, Wilson Santos (PSDB) foi o quinto mais lembrado com 2,69%, Dilmar Dal Bosco (DEM) tem 2,46% da intenção de votos, Julio Campos tem 2,16% e Max Russi 2,05%.

 

Outros nomes apontados pelos eleitores foram Toninho de Souza (2,01%), Jajah Neves (1,95%) empatado com Juca do Guaraná (1,95%), Alan Kardec (1,83%), Zaeli (1,80%), Baiano Filho (1,74%), Zeca Viana (1,67%), Wagner Ramos (1,63%), Elizeu Nascimento (1,56%), Saturnino Masson (1,47%), Paulo Araújo (1,33%), Gilmar Fabris (1,30%) igualado ao Sebastião Rezende (1,30%) e Tiago Silva (1,25%).

 

Até mesmo o deputado estadual preso durante a Operação Bônus, 2ª fase da Operação Bereré, Mauro Savi (DEM) aparece em 23º colado com 1,23%, seguido por seu colega de parlamento Silvano Amaral (1,22%).

 

Outros nomes presentes na pesquisa, sendo possíveis suplentes dependendo da coligação política, são Alan Top (1,19%), Romoaldo Junior (1,13%), Lilo Pinheiro (1,11%), Pedro Satélite (1,08%), Oscar Bezerra (1,08%), Dilemário Alencar (1,07%), Lúdio Cabral (0,94%), Carlos Avalone (0,89%), Daltinho (0,87%), Valdir Barranco (0,85%), entre outros.

 

Ao todo 34,77% dos participantes da pesquisa não escolheram o candidato a deputado estadual ou citaram outros nomes que não somaram votos suficientes para aparecerem na listagem.

Comentários

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Publicicade

Publicicade