Arquivo do Autor michely
04
09

Rodízio permite que Masson assuma cadeira na AL; ele é o 4º suplente contemplado

O suplente de deputado estadual, Sartunino Masson (PSDB), assumiu vaga na Assembleia Legislativa, durante sessão extraordinária na terça-feira (3), à noite, com a licença do deputado Carlos Avalone (PSDB), que pediu 120 dias de afastamento das funções. Saturnino é o quarto suplente a se efetivar, ainda que temporariamente, na Assembleia Legislativa este ano.

 

O primeiro a se licenciar do Legislativo foi Allan Kardec (PDT), para assumir a Secretaria de Estado de Cultura. No seu lugar ficou Romoaldo Júnior (MDB). O segundo suplente a assumir foi Toninho de Souza (PSD) que tomou posse na vaga de Eduardo Botelho (DEM), e o terceiro, Oscar Bezerra (PV), na semana passada, que assumiu com a licença do deputado Faissal Calil (PV). (mais…)

04
09

Vamos fazer de tudo para que ela fique no partido, diz Barbudo sobre Selma

“Será uma grande perda para o PSL e vamos fazer de tudo para que ela fique no partido”, essas foram as palavras do presidente estadual do PSL em Mato Grosso, deputado federal Nelson Barbudo, sobre a possibilidade de saída da senadora Selma Arruda da legenda.  A parlamentar cogita deixar a sigla partidária e já teria praticamente fechado a sua filiação ao Podemos, hoje sob o comando do também deputado federal José Medeiros.

 

Selma Arruda estaria descontente com o tratamento dispensado pelo presidente Jair Bolsonaro a ela. Segundo fontes do Blog do Mauro, Selma se sente preterida por não conseguir agenda com o presidente e também por não emplacar indicações para cargos de confiança. Outra corrente cogita que Selma estaria descontente com a falta de apoio do partido depois que ela teve o mandato cassado por caixa 2 no Tribunal Regional Eleitoral.  (mais…)

04
09

Data de filiação só depende de Selma, diz José Medeiros

O presidente estadual do Podemos, deputado federal José Medeiros, afirma que a definição da data de filiação da senadora Selma Arruda (PSL) na legenda só depende da decisão dela. Embora ainda não tenha batido o martelo, Medeiros garante que as tratativas estão “muito boas”.

 

“Estamos todos focamos em criar o ambiente melhor possível para que ela se sinta a vontade e possa se decidir pelo Podemos”, disse Medeiros ao Blog do Mauro. (mais…)

04
09

Jayme Campos articula com Alcolumbre e garante celeridade

O senador Jayme Campos (DEM) teve papel fundamental para garantir agilidade na tramitação do pedido de empréstimo de Mato Grosso, junto ao Banco Mundial, no Senado Federal. Nesta terça-feira, o senador, junto com o governador Mauro Mendes,  se reuniu com o presidente da Casa, Davi Alcolumbre, e mostrou as razões que o motivavam a pedir celeridade no trâmite.

 

Uma delas é o fato de que o Estado terá que desembolsar, já na próxima semana, o equivalente a R$ 154 milhões para quitar mais uma parcela da dívida dolarizada contraída junto ao Bank Of América. Finalizando a negociação com o Banco Mundial, esse desembolso não acontece.

 

Diante desse cenário, Alcolumbre cancelou uma sessão e a pedido do senador Jayme Campos, colocou o caso para tramitar em regime de urgência.  Caso o empréstimo não fosse autorizado, o desembolso desse valor poderia prejudicar no pagamento de fornecedores, prefeituras e servidores.

04
09

MT a um passo de conseguir o empréstimo com o Banco Mundial

Depois de conseguir o aval com o presidente Jair Bolsonaro para prosseguir com o empréstimo no valor de 250 milhões de dólares com o Banco Mundial, Mato Grosso avançou mais um passo na manhã desta quarta-feira (4). Isso porque a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal deu parecer favorável para a transação. Agora, resta o plenário da Casa manter o entendimento pró Mato Grosso.

 

Toda a movimentação no Senado Federal é acompanhada pelo secretário de Fazenda, Rogério Gallo, e pelo próprio governador Mauro Mendes (DEM), que tenta equilibrar as contas públicas desde o início de seu mandato. Segundo o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, a apreciação em plenário deve ocorrer ainda nesta quarta. (mais…)

02
09

Moro pediu dez vetos à lei de abuso ‘e nove estão garantidos’, afirma Bolsonaro

Por Estadão Conteúdo

 

O presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer nesta segunda-feira (2) que pretende vetar ao menos nove pontos do projeto que trata de abuso de autoridade, aprovado pelo Congresso em agosto. Os vetos presidenciais devem atender a pedidos feitos pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. “O Moro, se eu não me engano, pediu dez (vetos). Nove já estão garantidos”, disse Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada, pela manhã.

 

Bolsonaro lembrou que outras entidades pediram para que ele vete outros pontos, e que vai analisar “o que for compatível” nos próximos dias. A data-limite para que o presidente sancione, com ou sem ventos, a Lei de Abuso de Autoridade é a próxima quinta-feira, dia 5. (mais…)

02
09

MEC vai cortar recurso da Capes e federais terão mesmo orçamento

Por Estadão Conteúdo

 

O Ministério da Educação decidiu cortar pela metade o orçamento da Capes, responsável por manter a maior parte das bolsas de mestrado e doutorado no País. Para 2020, foram reservados somente R$ 2,2 bilhões para a instituição frente os R$ 4,3 bilhões previstos neste ano.

 

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, diz que a medida é necessária para garantir que as federais tenham, no ano que vem, quase o mesmo montante de recursos destinados em 2019 para custear as atividades. “Quase tudo vai ficar igual ou melhor. O único lugar que teremos de apertar e vai aparecer número ruim será na Capes. Vai sair o número, o pessoal vai gritar, mas será resolvido”, disse o ministro ao jornal O Estado de S. Paulo. (mais…)

02
09

Reforma previdenciária leva a corrida por aposentadoria no serviço público

Por Estadão Conteúdo

 

O avanço da reforma da Previdência no Congresso Nacional deflagrou uma corrida por aposentadorias entre servidores do Poder Executivo, numa debandada tão intensa que não encontra paralelo recente no funcionalismo federal. Em apenas sete meses, mais de 24 mil servidores pediram o benefício, de acordo com dados do Ministério da Economia.

 

Uma procura grande como essa por aposentadoria no serviço público só foi observada durante as discussões da reforma no governo Fernando Henrique Cardoso. Entre 1995 e 1998, a média de pedidos no Executivo ficou em 27,5 mil ao ano, com um pico de 36 8 mil em 1995, ano de envio da proposta que acabou virando a primeira grande mudança nas regras de aposentadoria do País. (mais…)

02
09

Papa foi resgatado por bombeiros após ficar 25 minutos preso em elevador

Por Estadão Conteúdo

 

O papa Francisco ficou preso ontem em um elevador no Vaticano por 25 minutos. Bombeiros tiveram que agir para retirá-lo.

 

Em razão do incidente, o pontífice acabou se atrasando em cerca de 10 minutos para o pronunciamento semanal na Praça de São Pedro. “Tenho de pedir desculpas”, disse Francisco, sorridente, ao começar o pronunciamento dominical. Ele explicou que houve um problema de energia elétrica no Vaticano e havia ficado preso no elevador.

 

“Uma salva de palmas para os bombeiros”, disse o papa, bem-humorado, à multidão. “Houve um momento de grande preocupação pelo que poderia ter acontecido”, afirmou Vania De Luca, vaticanista do canal Rai News. (Com agências internacionais). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

01
09

Queimadas na Amazônia quase triplicam em agosto e superam média histórica

Por Estadão Conteúdo

 

De acordo com dados do Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), os focos de incêndio neste mês de agosto na Amazônia foram quase o triplo do registrado no ano passado. Foram 30.901 focos de incêndio até este sábado, 31, ante 10.421 em agosto do ano passado – alta de 196%. O total de focos também supera a média histórica para o mês, de 25.853, para o período entre 1998 e 2018. É ainda o mais alto desde agosto de 2010 – ano de seca histórica severa, que teve 45.018 focos.

 

Os focos de queimadas estão espalhados por todo o chamado arco do desmatamento, que vai do Acre, passando por Rondônia, sul do Amazonas, norte do Mato Grosso e sudeste do Pará. A principal hipótese de especialistas é que queimadas estão ocorrendo para limpar o que foi derrubado antes. (mais…)

Publicicade

Publicicade