Arquivo do Autor michely
12
12

Temer faz várias mudanças em cargos de segundo e terceiro escalão

Por Estadão Conteúdo

 

Em meio às negociações para a votação da reforma da Previdência, o governo do presidente Michel Temer fez uma série de mudanças em cargos de segundo e terceiro escalão. De acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (12), Victor Raymond Steytler será o novo diretor de Pesquisas e Informações Estratégicas do Ministério da Transparência. Ele ocupava o cargo de secretário-adjunto de Controle Interno da pasta, que passará a ser exercido por Roberto César de Oliveira Viegas.

 

Foi nomeado o brigadeiro Rogério Luiz Veríssimo Cruz para o cargo de diretor de Transporte Espacial e Licenciamento da Agência Espacial Brasileira (AEB). Para a subsecretaria de Planejamento e Orçamento da secretaria-executiva do Ministério da Justiça foi escolhida Christiane Maranhão de Oliveira, analista de Finanças e Controle da Secretaria do Tesouro Nacional. Ela substituirá Fauze Martins Chequer, que foi exonerado. (mais…)

12
12

Ministério da Agricultura cria selo de ‘integridade’

Por Estadão Conteúdo

 

O Ministério da Agricultura vai lançar nesta terça-feira, 12, um selo de integridade para empresas do agronegócio. Segundo o ministério, um dos objetivos é mitigar os prejuízos à imagem dos produtos brasileiros no exterior causados pelo escândalo da JBS e da Operação Carne Fraca.

 

O selo Agro + Integridade será lançado em cerimônia no Palácio do Planalto com a presença do presidente Michel Temer. Para ter direito à premiação, as empresas terão de apresentar documentos comprovando a adoção de programas internos de compliance, adoção de código de ética, canais de denúncia, compromissos com a sustentabilidade, certidões negativas em relação a dívidas com o poder público, passivos trabalhistas e infrações ambientais, entre outros. (mais…)

12
12

João Santana e Mônica Moura falam em R$ 20 milhões de caixa dois a Haddad

Por Estadão Conteúdo

 

Os marqueteiros das campanhas petistas João Santana e Mônica Moura voltaram a relatar à Polícia Federal (PF) que receberam R$ 20 milhões e caixa dois pela campanha do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), em 2012. Eles prestaram depoimento na Superintendência da PF, no bairro da Lapa, Zona Oeste de São Paulo.

 

Mônica afirmou, em acordo de delação premiada, que a campanha do petista custou ao todo R$ 50 milhões, dos quais R$ 30 milhões foram pagos de forma oficial pelo PT e R$ 20 milhões por meio de caixa 2.  À PF, em São Paulo, ela reiterou a versão. (mais…)

12
12

Joaquim Barbosa encontra deputados do PSB para discutir cenário para 2018

Por Estadão Conteúdo

 

Apontado como possível candidato à Presidência da República em 2018, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa se reuniu na tarde desta segunda-feira, 11, com deputados federais do PSB para discutir o cenário político-eleitoral. O encontro aconteceu no escritório dele em São Paulo e contou com a presença de oito dos 33 integrantes da bancada na Câmara.

 

A reunião foi pedida pelos parlamentares, com aval do presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira. De acordo com relatos dos deputados, nas quase duas horas de conversa, Barbosa admitiu que cogita ser candidato a presidente e prometeu anunciar uma decisão até março do próximo ano, prazo final exigido pela legislação eleitoral para que ele se filie a um partido político para poder participar da disputa. (mais…)

12
12

Ex-secretários do RJ recebiam até 13º de propinas, diz delator

Foto: Bruno Itan

Por Estadão Conteúdo

Apontado como ex-operador da suposta organização criminosa chefiada pelo ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB), o delator Carlos Miranda disse nesta segunda-feira, 11, que os líderes do esquema recebiam propinas mensais e até gratificações de fim de ano, como um 13.º salário.

 

A revelação de que a organização pagava gratificação de fim de ano a seus integrantes surge quando os funcionários do Rio contabilizam um ano sem receber o benefício ainda de 2016. (mais…)

12
12

Padre do interior de SP usa tirolesa para iniciar missa

Denny Cesare/Estadão

Por Estadão Conteúdo

 

A missa de 13 de novembro celebrada pelo monsenhor Augusto Alves Ferreira, de Espírito Santo do Pinhal, no interior paulista, foi diferente das outras. A principal novidade não foi no sermão, mas na aparição do padre, de 70 anos: ele entrou na igreja pendurado por uma corda e percorreu 30 metros até o altar. Após imagens da aventura circularem nas redes sociais, Ferreira já se tornou o “padre da tirolesa”.

 

De batina, sem sapatos e com uma imagem de Nossa Senhora da Rosa Mística nas mãos, ele enfrentou o desafio a 12 metros de altura. E a criatividade não termina ali. “Estamos pensando em uma coisa mais radical, mas não posso falar para não estragar a surpresa”, disse o monsenhor, título eclesiástico que era dado pelo papa a sacerdotes que se destacam nos serviços da Igreja. “Tanto faz padre ou monsenhor”, disse. “O fato é que na última missa demos 1,5 mil comunhões”, afirmou o sacerdote diocesano. (mais…)

12
12

Volkswagen conclui relatório sobre repressão durante ditadura

Por Estadão Conteúdo

 

A Volkswagen espera acertar as contas com as acusações de apoio aos órgãos de repressão da ditadura militar na próxima quinta-feira, dia 14. Pressionada por acionistas, sindicalistas e por entidades de defesa dos direitos humanos, a empresa abriu uma investigação interna e nomeou um pesquisador independente – o historiador Christopher Kopper, da Universidade de Bielefeld, da Alemanha – para verificar as acusações e procurar documentos na sede da empresa e no Brasil.

 

O relatório foi concluído dois anos depois de o jornal O Estado de S. Paulo revelar que a empresa negociava em sigilo uma reparação judicial em razão de seu apoio à repressão durante a ditadura. O Ministério Público Federal (MPF), com base nos dados colecionados pela Comissão Nacional da Verdade (CNV), abriu uma investigação sobre o caso, transformada hoje em inquérito civil. O anúncio do resultado da investigação patrocinada pela empresa deve ser feito pelo historiador, com a presença do CEO da empresa para a América do Sul, Pablo Di Ci. (mais…)

12
12

Marun começa transição e já recebe deputados

Por Estadão Conteúdo

 

O quarto andar do Palácio do Planalto voltou, nesta segunda-feira, 11, a ter maior movimentação de parlamentares, atraídos pela troca de comando na Secretaria de Governo. No fim da tarde, a pedido do presidente Michel Temer, o ministro demissionário Antonio Imbassahy (PSDB) recebeu em seu gabinete o sucessor, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), para começar a transição no cargo.

 

A missão dada ao tucano era repassar ao peemedebista as demandas e tarefas da pasta. Coube ao ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, intermediar o início da primeira reunião entre os dois. Padilha e Marun visitaram Temer antes. A cerimônia de posse deve ocorrer na quinta-feira, 14, depois que Marun concluir seu relatório na CPI mista da JBS no Congresso. Até quinta-feira Imbassahy continua na pasta, a pedido do presidente Michel Temer. (mais…)

12
12

Governo promete liberar mais verbas para o Congresso

Alan Santos /PR

Por Estadão Conteúdo

 

O governo escalou nesta segunda-feira, 11, uma tropa de choque de ministros para negociar diretamente com os deputados os votos pela aprovação da reforma da Previdência e acenou com mais recursos de emendas. A negociação entrou agora no “varejão” com as demandas individuais sendo analisadas. De olho nas eleições de 2018, há políticos que pedem até mesmo para que seus adversários não sejam beneficiados pelos recursos, num xadrez complexo de ser administrado pelos líderes dos partidos. (mais…)

12
12

Empresários pressionam deputados a votar pela reforma

Foto: Reynaldo Stavale

Por Estadão Conteúdo

 

Os empresários entraram para valer na campanha de convencimento dos deputados para aprovarem a reforma da Previdência. Com poucos dias para angariar votos a favor da proposta, o empresariado decidiu ir além de e-mails, telefonemas e mensagens de celular, para, literalmente, bater à porta dos parlamentares. Representantes da indústria de construção estão visitando a casa dos deputados para pedir voto.

 

Outros setores também começaram a se mobilizar. Representantes da indústria química e da indústria de máquinas e equipamentos chegam nesta terça-feira, 12, a Brasília para fazer um corpo a corpo com os congressistas. “Queremos falar com o maior número possível de parlamentares sobre a importância de se aprovar a reforma”, diz Fernando Figueiredo, presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim). “A ideia é afastar do deputado o temor de que o trabalhador será prejudicado.” (mais…)

Publicicade

Publicicade