Arquivo do Autor michely
16
05

Barraco e troca de acusações na AL

O estreante na Assembleia Legislativa, Marcrean Santos (PRTB), que assumiu a vaga com a licença do deputado estadual Adalto de Freitas (Patriota), usou o tempo na Tribuna da Casa de Leis nesta quarta-feira (16) para rasgar elogios à gestão Taques (PSDB).

 

Ao pediu um aparte, que foi concedido por Marcrean, o deputado estadual oposicionista Valdir Barranco (PT) ironizou a fala do suplente e disse não acreditar que ambos vivessem no mesmo Estado. O petista não poupou críticas ao tucano.

 

Em contrapartida, Marcrean disparou contra Barranco o lembrando que o PT fez um dos governos mais corruptos do Brasil. Quem fala o que quer, acaba escutando o que não quer…

16
05

AL não deve apreciar prisão de Savi

O desembargador Juvenal Pereira da Silva negou pedido liminar da Assembleia Legislativa que buscava aval do Judiciário para votar a prisão do deputado estadual Mauro Savi (DEM). O democrata foi preso durante a Operação Bônus, desdobramento da Operação Bereré, que apura esquemas envolvendo desvio de recursos do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de Mato Grosso. O deputado Gilmar Fabris (PSD), beneficiado por resolução da Assembleia que o tirou do xilindró quando foi preso por obstrução à Justiça na Operação Malebolge, puxava a fila na Casa de Leis para que os parlamentares votassem a questão e assim trouxessem à liberdade Savi.

 

Como há entendimento já avançado do Supremo Tribunal Federal, que ainda não terminou o julgamento de uma ADI que restringe esse benefício somente a deputados federais e senadores, o Judiciário mato-grossense se vale do placar de 5 a 4 contrário a essa “competência” da Assembleia para negar o pedido da Casa de Leis. Savi terá que se acostumar com os novos hábitos da privação da liberdade.

15
05

CGE promete cumprimento de intervenção total no Detran nesta semana

Depois que o governador Pedro Taques (PSDB) determinou à Controladoria Geral do Estado (CGE) que apure o motivo pelo qual a intervenção decretada no contrato entre o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e a empresa EIG Mercados não está acontecendo em sua totalidade, o controlador geral do Estado, Ciro Rodolpho Gonçalves afirmou que a previsão é que até esta quarta-feira (16) uma solução definitiva seja apresentada para o problema.

 

“A intervenção tem que acontecer de maneira plena e não parcial, mas nesse particular, nesses primeiros 30 dias, realmente nós tivemos uma dificuldade de operacionalização em decorrência da criação de uma conta corrente específica, mas a solução já foi identificada e a expectativa é que até a quarta-feira dessa semana nos tenhamos a solução em definitivo”, afirmou Gonçalves.

 

A CGE notificou o Detran quanto à apuração. Contudo, devido à urgência de que a intervenção seja cumprida em sua totalidade, uma força-tarefa composta por representantes da Controladoria, Procuradoria Geral do Estado (PGE), Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) e Detran está imbuída na equalização desse aspecto operacional. (mais…)

15
05

Novo presidente do Intermat nega que possa tenha sido indicação política

O novo presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), Demílson Nogueira, afirmou que sua posse não está atrelada a nenhum acordo político com o governador Pedro Taques (PSDB) mirando o projeto à reeleição do chefe do Executivo Estadual. Conforme o presidente, o momento certo para tratar de alianças políticas é agosto. A nomeação foi publicada no Diário Oficial, que circula nesta terça-feira (15).

 

 

“Estou trabalhando. Não trato de indicação partidária. As questões políticas vamos tratar para frente. Estou aqui para trabalhar. Há muita especulação. Vamos tratar de política no momento certo. Não houve nenhuma rasteira”, disse Nogueira.

 

 

A nomeação de Nogueira para presidir o Intermat vem sendo tratada como uma possível aproximação do Progressistas do governador. No entanto, o presidente estadual da legenda, deputado federal Ezequiel Fonseca, já entregou uma carta de intenções ao pré-candidato ao governo pela oposição, senador Wellington Fagundes (PR) e descartou a possibilidade de caminhar novamente com o tucano. A posse de Nogueira poderia provocar um racha na legenda.

 

(mais…)

15
05

Presidente do PP em Cuiabá assume o comando do Intermat

Foto: Ednei Rosa

Através do ato 25.081/2018, publicado no Diário Oficial que circula nesta terça-feira (15), o governador Pedro Taques (PSDB) nomeou para o cargo de presidente do Instituto de Terras do Estado de Mato Grosso (Intermat) o presidente municipal do Progressista de Cuiabá, Demílson Nogueira Moreira. A posse ocorre depois do recuo do vereador Diego Guimarães (PP), que chegou a participar de cerimônia para assumir o cargo, no entanto refluiu após descobrir que perderia a vaga na Câmara Municipal de Cuiabá se optasse por integrar o Executivo Estadual.

 

 

Antes da nomeação de Demílson, estava conduzindo temporariamente a autarquia Elder Costa Jacarandá. A vaga, agora nas mãos do PP, estava sob os cuidados do Democratas, com a indicação de Cândido Teles, que se desligou da função no período limite estipulado pela Justiça Eleitoral para os interessados em concorrer a algum cargo eletivo nas eleições de outubro.

 

(mais…)

15
05

Jungmann diz que crescimento da população carcerária do Brasil é “insustentável”

Antonio Cruz/ Agência Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que o atual nível de crescimento da população carcerária do Brasil é “insustentável” e que “é preciso encarar” a situação. Jungmann foi o entrevistado do programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 15.

 

“Um dado que me preocupa muito é o que está acontecendo com o sistema penitenciário. Em 1990, nós tínhamos 90 mil presos. Hoje são 726 mil. Nós temos a terceira maior população carcerária do mundo. As duas primeiras, Estados Unidos e China, estabilizaram. Continuamos crescendo a uma ordem de 7%”, disse, citando dados do Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen). Segundo o relatório, divulgado em dezembro de 2017, o déficit de vagas do sistema é de mais de 358 mil. (mais…)

27
04

DEM não lançará candidato ao Governo

O Democratas abre mão, mais uma vez, do protagonismo eleitoral. O partido perdeu o “time” com a indefinição das candidaturas de Mauro Mendes e de Jayme Campos. Tudo indica que o DEM vai se contentar em apoiar outras candidaturas como a do governador Pedro Taques (PSDB) ou do senador Wellington Fagundes (PR).

 

Com Fávaro

O republicano Wellington Fagundes avança e amplia sua base de apoio. O senador que já tinha o PR, o PMDB e o PP, entre outras siglas partidárias, fechou entendimento com o PSD e terá o ex-vice-governador, Carlos Fávaro, numa das vagas da disputa.

 

Propaganda

A se confirmarem as alianças partidárias até agora sinalizadas, a candidatura de Wellington Fagundes ao Governo é a que deverá ter mais tempo de rádio e televisão no horário de propaganda eleitoral. Muito mais tempo que a campanha a reeleição do governador Pedro Taques.

 

Impeachment

O governador de Minas, o petista Fernando Pimentel, sobre um processo de impeachment no legislativo mineiro. Os motivos arguidos são o escalonamento de salários, os atrasos nos repasses do duodécimo aos poderes, bem como de ICMS e outras verbas aos municípios.

 

Gcom-MT

Tranquilo

O tucano Pedro Taques, que enfrenta dificuldades semelhantes na gestão dos recursos públicos em Mato Grosso, está longe de ter seu mandato ameaçado por um processo de impeachment. Taques mantém ampla maioria no Legislativo e conta com a generosa compreensão do Judiciário.

 

Dois discursos

Em Minas, o PT defende Pimentel e responsabiliza a crise econômica nacional pelas dificuldades estaduais. Em Mato Grosso, o discurso petista acusa Pedro Taques de incompetência na gestão do Estado.

05
04

HC em favor de Lula é negado pelo STF

Eduardo Frazão/Estadão Conteúdo

Por seis votos a cinco, o Supremo Tribunal Federal negou o pedido de habeas corpus preventivo apresentado pela defesa do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. Coube a presidente do Supremo, ministra Carmém Lúcia desempatar a votação. Lula buscava impedir a execução provisória da pena diante da confirmação de sua condenação, no caso do Triplex no Guarujá, em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região.

 

Os ministros Edson Fachin (relator), Alexandre de Moraes, Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux negaram o pedido de formulado no Habeas Corpus (HC) 152752. Os ministros Gilmar Mendes e Dias Toffoli votaram no sentido de afastar a execução provisória da pena antes do julgamento de recursos pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Já o ministros Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio e Celso de Mello concedem a ordem para assegurar ao ex-presidente o direito de permanecer em liberdade até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória.

(mais…)

05
04

Fávaro pode renunciar ao cargo de vice-governador

O vice-governador Carlos Fávaro (PSD) poderá anunciar nesta quinta-feira (5) a renúncia ao cargo. A informação foi confirmada por fontes ouvidas pelo Hipernotícias na noite desta quarta-feira (4). A expectativa é que Fávaro, que também preside o partido em Mato Grosso, deva conceder uma coletiva de imprensa às 10 horas, na Assembleia Legislativa, uma vez que a decisão precisa ser protocolada na Casa de Leis.

 

A decisão teria sido tomada depois de uma tentativa do governador Pedro Taques (PSDB), junto ao presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, de destituir o diretório em Mato Grosso, tirando a legenda das mãos de Fávaro e entregando aos deputados estaduais que já declararam apoio ao seu projeto de reeleição: Gilmar Fabris, Nininho, Wagner Ramos e Pedro Satélite. “Ele [Taques] tentou fazer como fez com o PPS, como está tentado fazer com o PSB”, disse uma das fontes ouvidas pelo Hipernotícias.

 

Outro fator que teria pesado na definição por deixar o cargo seria que o líder do governo teria segurado um projeto de lei, encaminhado ao Parlamento, que visa obrigar o governador a comunicar com antecedência de pelo menos 24 horas, sua ausência no cargo. Esse seria um indicativo de que Taques poderia se ausentar a qualquer hora depois do dia 7 de abril, forçando Fávaro a assumir o cargo, o deixando inelegível para a disputa em outubro. Como vice, Fávaro não precisa se desincompatibilizar para concorrer ao Senado, desde que seis meses antes das eleição não tenha substituído o respectivo titular.

(mais…)

03
04

Tribunal condena blogueiro por publicar fake news sobre Moro

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Estadão Conteúdo

 

 

Os desembargadores da 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 3ª Região condenaram o blogueiro Miguel Baia Bargas, editor do blog Limpinho & Cheiroso, por calúnia e difamação contra o juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba. O magistrado é o responsável pela Lava Jato na primeira instância. De acordo com a denúncia, em 2015, o blog atribuiu a Moro um suposto vínculo com o PSDB e o envolvimento do juiz em desvios de R$ 500 milhões.

 

 

O título do post era “Paraná: quando Moro trabalhou para o PSDB, ajudou a desviar R$ 500 milhões da prefeitura de Maringá”. O blogueiro foi condenado a 10 meses e 10 dias de detenção em regime inicial aberto e 15 dias-multa. A pena privativa de liberdade foi substituída por uma restritiva de direitos. A informação foi antecipada pelo site jurídico Migalhas e confirmada pelo jornal O Estado de S. Paulo. A decisão do TRF-3 foi publicada no dia 23 de março.

 

(mais…)

Publicicade

Publicicade